NA BRONCA

Bicampeão brasileiro segue na mágoa com o Corinthians: 'ainda me devem as férias'

Jadson não se conforma com a maneira como foi dispensado do antigo clube e diz que ainda tem pendências a receber

JC
JC
Publicado em 24/03/2020 às 19:47
Notícia
Divulgação
Jadson segue na bronca com a postura da diretoria do Corinthians - FOTO: Divulgação
Leitura:

Estadão Conteúdo - A cada entrevista, o meia Jadson revela sua mágoa pela forma com a qual foi dispensado pelo Corinthians, no fim do ano passado. Depois de criticar a postura do técnico Tiago Nunes, que o dispensou, o experiente jogador revelou que o ex-clube deve férias do ano passado.

"Acho que a situação financeira de vários clubes não está fácil. Acho que poucos têm a folha em dia. Temos de entender esse momento difícil, como o Corinthians até hoje não pagou as férias de dezembro, mas ninguém comenta sobre isso. Temos que entender, ainda mais nesse momento de pandemia", afirmou Jadson, em entrevista ao canal Fox Sports.

O jogador de 36 anos foi bicampeão brasileiro (2015 e 2017) e tri paulista (2017, 2018 e 2019) com a camisa do Corinthians. E não se conforma com a forma como ele e o volante Ralf foram dispensados. "A diretoria poderia ter um pouco mais de respeito. Eles ligaram no dia 18 de dezembro e disseram que o treinador não ia mais contar com a gente. A gente estava de férias. Faltou feeling para levar essa rescisão", apontou.

Perguntado se havia interesse do Vasco, o meia tentou se esquivar, mas não conseguiu. "Isso aí tem de ficar em segredo, meu empresário falou que não era para contar nada. Eu estou só esperando essa pandemia dar uma melhorada. Vamos deixar isso em segredo, em off".

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias