TÓQUIO 2020

Veja as notas que tiraram Gabriel Medina da disputa pelo ouro olímpico

Medina foi derrotado pelo japonês Kanoa Igarashi na semifinal

Túlio Feitosa
Túlio Feitosa
Publicado em 27/07/2021 às 12:00
Notícia
MIRIAM JESKE/COB
Gabriel Medina foi derrotado duas vezes por questão de décimos - FOTO: MIRIAM JESKE/COB
Leitura:

Não faltou polêmica na reta final do surfe masculino nos Jogos de Tóquio 2020. Um dos favoritos à medalha, o brasileiro Gabriel Medina acabou sendo derrotado tanto nas semis, para o japonês Kanoa Igarashi, quanto na disputa pelo bronze, para o australiano Owen Wright. As derrotas revoltaram os brasileiros, que questionaram a falta de critério das notas dos jurados, principalmente na disputa contra Igarashi.

A maior reclamação foi para com a nota da última manobra do japonês em comparação ao aéreo de Medina. No surfe, quando um atleta segura a prancha para ajudar na manobra, a pontuação cai, mas não foi o que aconteceu com Kanoa Igarashi, que conquistou um 9,33 nos minutos finais da disputa. O brasileiro, que fez duas manobras sem colocar a mão na prancha, não conseguiu uma pontuação próxima e acabou sendo derrotado.

Entre as notas dada para as manobras melhores avaliadas, o jurado que mais mostrou disparidade no julgamento foi o australiano Benjamin Lowe, que deu 9,5 para o aéreo do japonês e apenas 7,8 para o de Gabriel Medina. Lowe, inclusive, foi o responsável por ter dado as menores notas para o brasileiro na disputa pelo bronze, contra o Owen Wright.

Na somatória das duas melhores manobras de cada surfista, Medina alcançou 16.76 pontos, mas foi superado pelos 17.00 de Kanoa Igarashi.

Comentários

Últimas notícias