Arruda

Após mudança na chapa de situação, Roberto Freire é o novo candidato a presidente do Santa Cruz

O grupo de situação do Santa Cruz também alterou nomes de outros candidatos

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 28/01/2021 às 19:15
Foto: André Nery/Acervo JC Imagem
Roberto Freire comandava o núcleo de gestão do Santa Cruz no início da gestão Constantino Júnior - FOTO: Foto: André Nery/Acervo JC Imagem
Leitura:

A chapa da situação para a disputa da eleição do Santa Cruz sofreu mudanças nesta quinta-feira. Ex-coordenador do núcleo de gestão, Roberto Freire é novo candidato a presidente. Osmundo Bezerra, que estava encabeçando a chapa, vai concorrer como vice. Paulo Borba, atual comandante do Conselho Deliberativo, tentará a reeleição. O candidato ao órgão era Sérgio Goiano. Na Comissão Patrimonial, Francisco Buarque segue como postulante a liderar o "terceiro" poder do Tricolor do Arruda.

De acordo com informações apuradas pelo Jornal do Commercio e Blog do Torcedor, o nome de Roberto Freire surgiu como unanimidade entre as alas "jovem e antiga" do grupo de situação Santa Cruz. E, assim, como forma de unir o clube tricolor em busca de uma recuperação estrutural e, consequentemente, a saída da Série C do Campeonato Brasileiro. Nos próximos dias, o candidato a presidente vai conversar com os membros da chapa para definir as diretrizes.

"Achei muito boa a mudança. Roberto (Freire) e Ítalo (Mendes), que continuará no núcleo de gestão, conhecem tudo do Santa Cruz. Foram responsáveis pelo plano de gestão desse triênio. Foram muito competentes", afirmou o atual vice-presidente coral e principal articulador político Tonico Araújo.

LEIA MAIS

> Por conta das eleições, Chiquinho evita cravar permanência no Santa Cruz, mas afirma: “A vontade é ficar”

> Pro Santa: Mário Godoy explica troca de André Frutuoso por Joaquim Bezerra como candidato à presidente do Santa Cruz

> Martelotte demonstra confiança em Victor Rangel e declara apoio ao jogador

Ainda segundo apuração da reportagem, caso tenha sucesso no pleito de 10 de fevereiro, a chapa de situação pretende criar novas diretorias (núcleos) para contribuir com a administração, modernização e profissionalização do Santa Cruz. Para o departamento de futebol, carro-chefe do clube, dois nomes estão bastante cotados. São eles: o empresário Bruno Rego e o ex-diretor Jomar Rocha.

Rego chegou a ser cogitado como candidato a presidente, mas declinou diante dos compromissos profissionais. Já Jomar Rocha luta contra um grave problema de saúde, o que pode impedir o retorno dele ao futebol. A ideia é o departamento ser composto por um grupo de cerca de cinco membros para a demanda não ficar centralizada. Existe a possibilidade da permanência do executivo Nei Pandolfo.

A mudança na chapa de situação ocorre no limite do prazo máximo de 48 horas para qualquer alteração após o último dia (terça-feira) permitido para as inscrições dos grupos. Os concorrentes de Roberto Freire serão Joaquim Bezerra, que representa o "ProSanta", e Josenildo Dody, inscrito como candidato a presidente da chapa "A Voz da Arquibancada".

 

Comentários

Últimas notícias