ELENCO FORTE

Busca por reforços é prioridade de Brigatti para qualificar o elenco do Santa Cruz

Com três competições no primeiro semestre, o Santa Cruz ainda precisa de novas peças para evitar desgaste

Túlio Feitosa
Túlio Feitosa
Publicado em 27/02/2021 às 19:12
Notícia

Foto: Rafael Melo/Santa Cruz
Técnico do Santa Cruz, João Brigatti. - FOTO: Foto: Rafael Melo/Santa Cruz
Leitura:

O Santa Cruz iniciou a temporada apenas com os remanescentes de 2020 e alguns jogadores recém promovidos da base Coral no elenco. A estreia do Pernambucano não exigiu muita qualidade para sair com o resultado positivo, mas a derrota para o Vitória-BA por 2x0, na Copa do Nordeste, mostrou que o time do técnico João Brigatti ainda precisa se reforçar para brigar por algo nas competições mais importantes do primeiro semestre.

Já há conversas entre a comissão técnica e a diretoria do Tricolor para a busca de novas peças para o elenco. Segundo o treinador Brigatti, os reforços também virão para não sobrecarregar os atletas atuais com o calendário cheio de competições.

"São partidas difíceis que temos pela frente. A sequência de jogos que temos durante a semana e no final de semana, gera um desgaste muito grande, precisamos rodar o elenco e buscar um equilíbrio. Estamos atento ao mercado, tenho conversado diretamente com o Nei (Pandolfo), está difícil. Precisamos trazer atletas que venham qualificar o elenco", comentou o comandante Coral.

IMPRODUÇÃO

Pouco criativo diante do Vitória-BA, o Santa Cruz repetiu o esquema da estreia do Pernambucano diante to Vitória das Tabocas, mas esbarrou no sistema defensivo da equipe baiana. Com muitos erros de passe, a saída de bola foi um dos pontos que Brigatti destacou como principal falha na partida. "A gente não tinha a saída rápida pelos lados. Erramos com a saída de bola por dentro, e isso fazia com que a gente tivesse que correr atrás da equipe do Vitória. São situações de dentro da partida que não deu certo", ressaltou.

A Cobra Coral terá menos de três dias para corrigir seu estilo de jogo até chegar a hora da partida contra o Central, no Campeonato Pernambucano, na quarta-feira (3). "Com o pouco tempo de ajustes que temos para quarta-feira, é tentar pôr dentro do campo e passar para eles uma situação diferente, que dê um pouco mais de consistência de jogo", completou João Brigatti.

Comentários

Últimas notícias