Série A

Duelo de Leões: Sport e Fortaleza disputam clássico decisivo pelo Brasileirão

Pernambucanos e cearenses lutam contra o rebaixamento na Primeira Divisão

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 05/01/2021 às 22:01
Notícia

ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Patric pode atuar mais avançado no duelo do Sport contra o Fortaleza - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

Vencer, vencer ou vencer. Esse é o único pensamento dos rubro-negros para o jogo desta quarta-feira. O Sport enfrenta o Fortaleza, às 20h30, na Ilha do Retiro, em confronto direto na fuga do rebaixamento e válido pela 28ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Os dois Leões não venceram os últimos confrontos. Os pernambucanos perderam para o Goiás, fora de casa, enquanto os cearenses empataram no Castelão com o Flamengo. Ambos estão muito próximos na classificação. O time vermelho e preto ocupa a 15ª posição com 29 pontos, dois a menos que o Tricolor do Pici.

Com a saída do meia Lucas Mugni, que não acertou a extensão contratual no fim do ano passado por causa de pendências financeiras, o técnico Jair Ventura precisará mexer no esquema tático da equipe. Pelo menos, é o que o comandante leonino deixou nas entrelinhas durante entrevista coletiva.

O argentino estava se destacando no Leão pela grande força física e disposição para atuar em mais de uma função. Com a lesão do atacante Barcia, que contundiu o joelho, Jair encontrou em Mugni o jogador ideal para ocupar o lado direito do pelotão de frente. Sendo assim, a tendência é que ele coloque Patric mais avançado e acione Raul Prata para fazer a cobertura, além de reforçar a defesa no setor.

LEIA MAIS

Clima de decisão: 5 motivos para acompanhar Sport x Fortaleza

Eduardo Carvalho diz que falta de data oficial para as eleições do Sport é um desrespeito com o torcedor

Dez jogadores do Fortaleza testam positivo para a covid-19 e são desfalques diante do Sport

Faltando 11 jogos para o fim da Série A, Sport terá 6 partidas na Ilha do Retiro, sendo 3 duelos diretos

Outras opções são as entradas dos volantes Betinho e Ricardinho. Como também o meia Jonatan Gomez, recuperado de uma lesão no pé. Alternativas que também acarretariam na alteração do esquema tático. Se colocar mais um cabeça de área, o técnico rubro-negro volta para a formação que optou assim que assumiu o Sport.

Já com Jonatan ganharia mais qualidade técnica no meio-campo. Porém, o condicionamento físico do armador - a última partida que disputou foi no dia 13 de dezembro - e a queda de produção anteriormente pesam de forma negativa na decisão.

"Venho sempre falando que quando aceitei o desafio do Sport, além da grandeza local e nacional do clube, tivemos perdas significativas. A última delas foi Barcia, o artilheiro desde que assumi a equipe. Tivemos que nos reinventar, conseguimos repetir a escalação três vezes. E, agora, com a saída de Mugni, teremos que mudar de novo", afirmou Jair.

"É a vida do treinador. Acredito bastante no meu elenco, mas quando você vai perdendo peças fica em um momento ruim. A gente sabe como funciona. Se os resultados não aparecerem, a conta é paga pelo treinador. Então, o técnico precisa buscar uma solução dentro do elenco", acrescentou.

Jair Ventura deixou claro o peso da ausência do meia Lucas Mugni. "No nosso último gol contra o Grêmio, a assistência foi dele (Mugni). Atuou em várias posições comigo, não estava sendo usado quando eu cheguei, e acabou sendo um dos atletas mais importantes. Precisamos voltar a vencer, o que é importante. E, agora, com uma alternativa diferente, já que perdemos um atleta fundamental", comentou.

Além da volta do meia Jonatan Gomez, outra novidade na relação do Sport deve ser o atacante Hernane Brocador. Recuperado de uma lesão na coxa, ele volta a surgir como opção depois de mais de um mês fora da equipe, primeiro por questão técnica e depois por ordem clínica.

Vale destacar que o Sport não sofreu nenhuma baixa para enfrentar o Fortaleza por causa da covid-19. Os resultados dos exames saíram ontem e nenhum atleta testou positivo para o novo coronavírus. Ao contrário do adversário, que confirmou a doença em dez jogadores e desembarcou no Recife apenas com 21 atletas na relação para o clássico regional e decisivo.

FICHA DO JOGO - SPORT X FORTALEZA

Sport - Luan Polli; Raul Prata, Maidana, Adryelson e Júnior Tavares; Marcão, Ronaldo Henrique e Thiago Neves; Patric (Jonatan Gomez), Marquinhos e Dalberto. Técnico: Jair Ventura. Esquema: 4-3-3.

Fortaleza - Felipe Alves; Gabriel Dias, Wanderson, Paulão e Carlinhos; Felipe, Juninho, Ronald e João Paulo; Romarinho e Wellington Paulista. Técnico: Marcelo Chamusca. Esquema: 4-4-2.

Local: Ilha do Retiro, Recife-PE.
Horário: 20h30.
Árbitro: Raphael Claus (SP).
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse e Neuza Ines Back (ambos de SP).

Comentários

Últimas notícias