DUELO DIRETO

Clima de decisão: 5 motivos para acompanhar Sport x Fortaleza

Na Ilha do Retiro, o Rubro-Negro recebe o Fortaleza, às 20h30, em duelo direto de dois clubes que lutam para permanecer na Série A

Lucas Holanda
Lucas Holanda
Publicado em 05/01/2021 às 10:46
Notícia

BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
É DECISÃO Jogo de quarta-feira (6) contra o Fortaleza é essencial para os rubro-negros na Série A - FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

Nesta quarta-feira (6), o Sport entra em campo pela primeira vez em 2021. Na Ilha do Retiro, o Rubro-Negro recebe o Fortaleza, às 20h30, em duelo direto de dois clubes que lutam para permanecer na Série A. Um confronto nordestino de peso onde os times querem triunfar para se distanciarem ainda mais da zona do rebaixamento. Portanto, mesmo faltando dez jogos para os dois times após o duelo entre eles nesta quarta-feira, o clima é de decisão para os dois. E vale muito. Por conta disso, a reportagem do Jornal do Commercio separou cinco ingredientes que apimentam o embate.

Vale lembrar que, na atual temporada, os dois times se enfrentaram duas vezes, com os cearenses levando a melhor. No primeiro duelo, um 0x0 nas quartas de final da Copa do Nordeste, mas o Fortaleza eliminando o Sport nos pênaltis. No outro embate, no turno da Série A, vitória do Leão do Pici por 1x0.

CLIMA DE DECISÃO

A briga contra o rebaixamento apresenta times que oscilam bastante, com um ritmo de pontuação baixo. Por conta disso, quando se enfrentam geralmente é uma boa oportunidade de vitória para os dois times. E as equipes chegam para este duelo buscando recuperação, uma vez que fazem um segundo turno muito ruim. Enquanto o Sport é o terceiro pior time do returno, o Fortaleza é o quarto. Ou seja, num recorte apenas dos jogos do returno, os dois estão na zona de rebaixamento. O Rubro-Negro com cinco pontos ganhos e o Leão do Pici com seis. Portanto, é clima de decisão para iniciar 2021 com o pé direito.

OPORTUNIDADE PARA SE DISTANCIAR DA ZONA DE REBAIXAMENTO

Com 29 pontos, o Sport está na 15ª posição. Ou seja, se vencer o Fortaleza, ultrapassa o Leão do Pici e vai aos 32 pontos, se distanciando ainda mais da zona de rebaixamento, podendo abrir quatro pontos caso o Vasco, time que abre o Z4, ou o Bahia, equipe que está em 16º, não pontuem. Pelo lado do Fortaleza, a equipe comandada por Marcelo Chamusca pode dar um salto importante na tabela caso vença o Sport na Ilha do Retiro. Em caso de vitória do Tricolor do Pici, o time vai para 34 pontos e pode ficar com seis pontos de vantagem sob a zona de rebaixamento da Série A.

CURIOSIDADE PARA AS REPOSIÇÕES AOS DESFALQUES

O Fortaleza anunciou que dez jogadores do seu elenco testaram positivo para a covid-19. Ou seja, estão fora do duelo contra o Sport. No entanto, o Leão do Pici não divulgou o nome dos atletas contaminados, o que deve fazer apenas quando anunciar a escalação para o confronto. Portanto, o técnico Marcelo Chamusca terá uma dura missão ao escalar o seu time para o embate, uma vez que conta com tantos desfalques para um jogo tão importante.

Pelo lado do Sport, a baixa fica pelo argentino Lucas Mugni, que deixou o Rubro-Negro no fim de dezembro. Titular absoluto, não renovou contrato com o Leão, o que faz a equipe de Jair Ventura perder um dos seus principais jogadores. Sobre o seu substituto, a tendência é de que o também meia e argentino Jonatan Gomez, que está voltando de lesão, seja o escolhido para entrar na vaga de Mugni diante do Fortaleza e, a depender do rendimento, também para a sequência da temporada. Sobre os testes de covid-19 do Sport, os resultados saem na tarde desta terça-feira, e aí o time pode ter mais desfalques ou não.

POSSIBILIDADE DE QUEBRA DE UM TABU HISTÓRICO

O Fortaleza jogou 19 vezes contra o Sport na Ilha do Retiro. E não venceu nenhuma. Foi derrotado 16 vezes e empatou outras vezes, tendo um histórico amplamente desfavorável. Portanto, no 20º jogo do Leão do Pici dentro do estádio, a equipe tem uma oportunidade de quebrar esse retrospecto. Para isso acontecer, basta uma vitória simples. Nessas 19 partidas, o time cearense marcou apenas oito vezes, enquanto os pernambucanos marcaram 41 gols.

FAZER VALER A FORÇA DA ILHA DO RETIRO

Até o fim da Série A, o Sport tem seis confrontos na Ilha do Retiro, sendo três duelos diretos contra times que, assim como o Rubro-Negro, brigam para permanecer na Primeira Divisão. Portanto, o duelo diante do Fortaleza é uma boa oportunidade para o Leão tentar fazer valer o mando de campo e melhorar o seu desempenho como mandante na competição. Até aqui, o Rubro-Negro disputou 13 partidas dentro de casa, onde venceu seis, perdeu outras seis e empatou uma, tendo um aproveitamento de 48,71%.

Comentários

Últimas notícias