LEÃO DA ILHA

‘A gente tem que ser campeão do Pernambucano’, diz Mikael após Sport empatar com o Treze e deixar a Copa do Nordeste

Em relação à Série A do Brasileirão, o atacante foi sucinto e disse que o time precisa ‘buscar coisas melhores’

Marcelo Aprígio
Marcelo Aprígio
Publicado em 11/04/2021 às 9:10
Notícia
ANDERSON STEVENS/SPORT CLUB DO RECIFE
Para Mikael, o Sport tem que ser campeão estadual por ser "o maior de Pernambuco e do Nordeste". - FOTO: ANDERSON STEVENS/SPORT CLUB DO RECIFE
Leitura:

Após o Sport empatar em 2 a 2 com o Treze, nesse sábado (10), em um jogo frenético no estádio Amigão, na Paraíba, o atacante Mikael, autor de um dos gols do Leão, justificou o resultado da partida na falta de entrosamento entre o elenco rubro-negro que viajou para Campina Grande. O jogador disse ainda que o Sport tem que ser campeão estadual por ser “o maior de Pernambuco e do Nordeste”.

"Infelizmente o resultado não veio, mas fico feliz pelo trabalho individual também. O time não veio todo, esse que veio não está entrosado, mas somos uma equipe unida, de família", disse Mikael ao final da partida contra o Treze, em entrevista ao Nordeste FC. “A gente tem que ser campeão do Pernambucano. Com todo respeito aos rivais, mas o Sport é o maior de Pernambuco e do Nordeste. Então temos sempre responsabilidade de ganhar”, completou.

Em relação à Série A do Brasileirão, o atacante foi sucinto. “No Brasileiro é fazer a melhor campanha possível e buscar coisas maiores”, afirmou o atleta, que tenta se firmar entre os titulares do clube. Em 11 partidas nesta temporada, o prata da casa balançou as redes dos adversários em quatro oportunidades.

Situação do Sport

Com o resultado do jogo desse sábado, o Sport se despediu do Nordestão ocupando a lanterna do Grupo B e apenas seis pontos ganhos em oito jogos disputados. A única vitória do Leão da Praça da Bandeira foi no clássico contra o Santa Cruz, quando os rubro-negros derrotaram a Cobra Coral por 2 a 1.

Agora, o Sport só tem o Pernambucano e a Série A (em maio) pela frente. Isso porque, nesta temporada, a equipe, além de cair na primeira fase do torneio nordestino, também deu adeus à Copa do Brasil.

No Estadual, com oito pontos em cinco partidas, a equipe leonina está na terceira posição da tabela. Sem fazer uma campanha muito boa, os rubro-negros podem ser ultrapassados pelo Retrô, que possui dois jogos a menos e tem sete pontos. Quem também pode deixar o Sport para trás é o Salgueiro. O Carcará também atuou três vezes e tem seis pontos.

Comentários

Últimas notícias