coronavírus

Mortes no mundo por coronavírus passam de 150.000

Desde o começo da epidemia foram contabilizados 2.207.730 casos de contágio em 193 países ou territórios

AFP
AFP
Publicado em 17/04/2020 às 17:22
Notícia
AFP
O número recorde ocorre em meio a medidas mais duras de restrição - FOTO: AFP
Leitura:

A pandemia do novo coronavírus causou ao menos 150.142 mortes no mundo desde que teve início em dezembro passado, na China, segundo contagem da AFP feita a partir de fontes oficiais às 16h de Brasília desta sexta-feira (17).

>> Coronavírus deixa 4,5 bilhões de pessoas confinadas no mundo

>> Rússia ultrapassa 32.000 casos de coronavírus e Putin alerta sobre riscos

>> Brasil confirma 1.257 casos de coronavírus nas últimas 24 horas e total de infectados chega a 33.682; número de óbitos chega a 2.141

>> Coronavírus: em risco de colapso, Pernambuco pode requisitar leitos de UTI de hospitais privados

>> Casos confirmados de coronavírus entre indígenas chegam a 23

 

Desde o começo da epidemia foram contabilizados 2.207.730 casos de contágio em 193 países ou territórios. A cifra de casos diagnosticados reflete apenas uma parte da totalidade de contágios, devido às políticas díspares dos diferentes países para diagnóstico de casos, pois alguns só o fazem com as pessoas que precisam de hospitalização. As autoridades consideram que até agora, pelo menos 483.000 pessoas se curaram da COVID-19.

Número de casos 


Desde a quinta-feira às 16h de Brasília, foram reportadas 9.022 novas mortes e 91.270 contágios em todo o mundo. Nas últimas 24 horas, os países que registraram mais mortes foram os Estados Unidos, com 2.985 novos óbitos, a China continental (1.290, após uma revisão do balanço por parte das autoridades da cidade de Wuhan, onde surgiu a pandemia) e o Reino Unido (847).


O número de mortos nos Estados Unidos, que registraram seu primeiro óbito relacionado ao vírus no final de fevereiro, chegou a 34.575. O país registrou 683.786 contágios. As autoridades estimam que 56.646 pessoas se curaram.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados pela pandemia são Itália, com 22.745 mortos e 172.434 casos; a Espanha, com 19.478 mortos e 188.069 casos; a França, com 18.681 mortos e 147.969 casos; e o Reino Unido, com 14.576 mortos e 108.692 casos.


A China continental - exceto Hong Kong e Macau -, onde a epidemia eclodiu no fim de dezembro, tem um total de 82.367 pessoas contagiadas, das quais 4.632 morreram e 77.892 se curaram totalmente.

 

Assine a nova newsletter do JC e fique bem informado sobre o coronavírus

Todos os dias, de domingo a domingo, sempre às 20h, o Jornal do Commercio divulga uma nova newsletter diretamente para o seu email sobre os assuntos mais atualizados do coronavírus em Pernambuco, no Brasil e no mundo. E como faço para receber? É simples. Os interessados podem assinar esta e outras newsletters através do link jc.com.br/newsletter ou no box localizado no final das matérias.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (mascára cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

Confira o passo a passo de como lavar as mãos de forma adequada

 

Comentários

Últimas notícias