BEIRUTE

Explosões no Líbano podem ter sido causadas por "explosivos confiscados", segundo autoridade de segurança

De acordo com a agência nacional de informação, as explosões fizeram "mortos e feridos"

Da Redação com agências
Da Redação com agências
Publicado em 04/08/2020 às 15:09
Notícia

ANWAR AMRO / AFP
Os jornalistas foram proibidos de acessar a zona, segundo um correspondente da AFP. - FOTO: ANWAR AMRO / AFP
Leitura:

Atualizada às 15h28

Fortes explosões devastaram a região portuária de e áreas próximas de Beirute, capital do Líbano, nesta terça-feira (4). De acordo com a agência internacional AFP, as explosões podem estar ligadas a "materiais explosivos" confiscados e armazenados em um armazém "por anos", declarou uma autoridade da segurança libanesa.

>> Forte explosão atinge Beirute, no Líbano, em área próxima ao porto

>> Veja as imagens impressionantes da explosão no Líbano 

>> Explosões em Beirute, no Líbano, deixam dezenas de mortos e milhares de feridos

>> Militares brasileiros estão bem após grande explosão em Beirute, diz Marinha

 

"Parece que há um armazém contendo materiais confiscados há anos, e parece que eram materiais muito explosivos", disse o diretor geral da Segurança Geral Abbas Ibrahim, questionado por jornalistas na área.

"Os serviços responsáveis estão realizando a investigação, e dirão qual é a natureza do incidente", acrescentou.

Em vídeos gravados de locais próximos a explosão, é possível ver cenas impressionantes do momento em que a explosão se torna maior e devasta as imediações. De acordo com a agência nacional de informação, as explosões fizeram "mortos e feridos".

STR / AFP
Os jornalistas foram proibidos de acessar a zona, segundo um correspondente da AFP. - STR / AFP
STR / AFP
Nas proximidades do distrito portuário, os danos e a destruição são enormes. - STR / AFP
ANWAR AMRO / AFP
A explosão aconteceu nesta terça-feira (4), na região portuária de Beirute. - ANWAR AMRO / AFP
ANWAR AMRO / AFP
Os jornalistas foram proibidos de acessar a zona, segundo um correspondente da AFP. - ANWAR AMRO / AFP
STR / AFP
A explosão aconteceu nesta terça-feira (4), na região portuária de Beirute. - STR / AFP
STR / AFP
Nas proximidades do distrito portuário, os danos e a destruição são enormes. - STR / AFP
STR / AFP
A explosão aconteceu nesta terça-feira (4), na região portuária de Beirute. - STR / AFP
IBRAHIM AMRO / AFP
Nas proximidades do distrito portuário, os danos e a destruição são enormes. - IBRAHIM AMRO / AFP
STR / AFP
Os jornalistas foram proibidos de acessar a zona, segundo um correspondente da AFP. - STR / AFP
STR / AFP
A explosão aconteceu nesta terça-feira (4), na região portuária de Beirute. - STR / AFP
AFP
Uma explosão aconteceu nesta terça-feira (4) em Beirute, capital do Líbano - AFP

Uma onda de choque foi registrada após o impacto, danificando carros e prédios que estavam próximos ao local. A área portuária foi isolada pelas forças de segurança, que só permitem a passagem de agentes da defesa civil, o balé de ambulâncias com suas sirenes e caminhões de bombeiros.


O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias