imunizante

Johnson & Johnson começa a testar vacina contra covid em jovens de 12 a 17 anos

O grupo farmacêutico também planeja começar a testar os efeitos da vacina em mulheres grávidas

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Publicado em 02/04/2021 às 14:23
Notícia
KAMIL KRZACZYNSKI / AFP
AUTORIZADO Aplicado em dose única, imunizante da Janssen tem eficácia de 66% e chega ao Brasil em agosto - FOTO: KAMIL KRZACZYNSKI / AFP
Leitura:
Johnson & Johnson (J&J) iniciou testes de sua vacina contra a covid-19 em jovens de 12 a 17 anos, no último esforço de tornar a imunização disponível para um público não adulto.
A empresa americana, que tem sede em New Brunswick (New Jersey) informou nesta sexta-feira que está ampliando um estudo iniciado em setembro com voluntários adultos para incluir cerca de 1.700 adolescentes na faixa de 12 a 17 anos. Os resultados do teste poderão ser anunciados no segundo semestre do ano, afirmou um porta-voz da J&J.
O grupo farmacêutico também planeja começar a testar os efeitos da vacina em mulheres grávidas.
As vacinas da J&J e da Moderna estão autorizadas para uso em adultos acima de 18 anos nos EUA e em alguns outros países. Um terceiro imunizante, da Pfizer com a BioNTech, está liberado para indivíduos de 16 anos ou mais.

Últimas notícias