DEFINIÇÃO

Novo presidente do Chile: ultradireitista José Antonio Kast reconhece vitória do esquerdista Boric

Boric, de 35 anos, defende um Estado de bem-estar com atenção especial às pautas feminista, ambientalista e regionalista

AFP
AFP
Publicado em 19/12/2021 às 19:48
CLAUDIO REYES / AFP
ESQUERDISTA Gabriel Boric propõe um Estado que garanta direitos universais básicos à população - FOTO: CLAUDIO REYES / AFP
Leitura:

O ultradireitista José Antonio Kast reconheceu, no início da noite deste domingo (19), a vitória do esquerdista Boric à presidência do Chile. Em seu Twitter, Kast disse ter acabdo de falar com Gabriel Boric e dado as felicitações pela vitória. A apuração ainda segue.

"O felicitei pelo seu grande triunfo. Ele hoje é o presidente eleito do Chile e merece todo nosso respeito e colaboração construtiva. Chile sempre está em primeiro", escreveu.

Boric, um deputado de 35 anos - a idade mínima para se candidatar - , vinculado aos protestos massivos de 2019, defende um Estado de bem-estar com atenção especial às pautas feminista, ambientalista e regionalista. Kast, um advogado católico de 55 anos, defende a redução do Estado e dos impostos, o combate à migração irregular e se posiciona contrariamente ao casamento gay e ao aborto.

Boric, da aliança Aprovo Dignidade, que reúne a Frente Ampla e o Partido Comunista e que recebeu, no segundo turno, apoio de toda centro-esquerda, propõe avançar para um Estado de Bem-Estar social, com uma série de direitos básicos garantidos.

"Somos novas gerações que entram na política com as mãos limpas, o coração quente, mas com a cabeça fria", disse Boric, após emitir seu voto em Punta Arenas, sua cidade natal.


 

Comentários

Últimas notícias