Informação

JC libera acesso premium para massificar informação e prestação de serviço sobre o coronavírus

Liberação do acesso é uma das medidas do SJCC para informar sobre o coronavírus

Gabriela Carvalho
Gabriela Carvalho
Publicado em 18/03/2020 às 12:29
Notícia
LEO MOTTA/JC IMAGEM
Redação do Jornal do Commercio. - FOTO: LEO MOTTA/JC IMAGEM
Leitura:

O Jornal do Commercio, diante da pandemia do Covid-19, o coronavírus, liberou para o público a versão premium do jornal, réplica da versão impressa, dos dias 18 de março até 23 abril. Os usuários que não são assinantes tiveram acesso às edições do JC exclusivamente via desktop (computador). 

As pessoas que já são assinantes do JC Premium continuaram tendo acesso livre, tanto via desktop como via mobile, pelo aplicativo nas plataformas iOS e Android.

>> Sistema Jornal do Commercio de Comunicação está pronto para o combate ao coronavírus

 “Informação de qualidade e de credibilidade tem sido um importante antídoto neste momento. Liberar a edição do JC para leitura livre em qualquer computador ligado à internet reforça nosso compromisso com a comunidade, que precisa ter acesso à informações checadas e bem apuradas”, explica diretor de redação do Jornal do Commercio, Laurindo Ferreira.

>> O JC te informa tudo que você precisa saber sobre o novo coronavírus

A novidade, que fez parte de uma das medidas adotadas pelo SJCC, que veio se preparando interna e externamente para enfrentar a pandemia, teve o objetivo de prestar um maior serviço aos leitores, informando sobre todas as atualizações acerca do coronavírus. 

Com toda essa mobilização do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação, a empresa acredita que estará fazendo o melhor para ajudar a informar, prevenir e, principalmente, combater a expansão da ação do Covid-19 no nosso Estado.

Medidas do SJCC

 A TV Jornal tem mobilizado o seu jornalismo diariamente para levar ao público a informação e a prestação de serviços sobre o coronavírus. Mas o entretenimento da emissora também está atento à pandemia. “Nossos programas de entretenimento abrirão espaços para temas sobre o assunto, orientando e prestando um serviço à população, bem como serão uma alternativa de lazer para as pessoas que estão em casa prezando pela própria saúde. Nossos apresentadores gravarão mensagens para dirimir dúvidas sobre o Coronavírus, que serão veiculados ao longo de toda a programação do canal”, informa Vladimir Melo, Diretor Executivo da TV Jornal.

A Rádio Jornal (90,3 FM) modificou boa parte de sua programação para levar ao seu público a melhor cobertura de combate ao Covid-19. É o que esclarece a Diretora-Executiva, Diana Moura: “Nós temos um papel social enorme a cumprir e estamos movimentando toda a equipe para dar conta dessa demanda extra que é de extrema urgência”. Com o cancelamento externo da prática de atividades esportivas, sobretudo o futebol, que é o carro-chefe da Rádio, o jornalismo vai suprir essa lacuna temporariamente para informar e prestar serviço.

O programa Edição do Meio-Dia, que ia ao ar de 12h às 12h30, ganhou mais 30 minutos de duração. Com isso, o programa O Assunto é Futebol segue na grade, mas com 30 minutos a menos. Em seguida, Anne Barreto e Leandro Oliveira comandam um novo Rádio Livre, que estreou uma nova configuração já nesta segunda-feira (16), com 2 horas de duração, e completamente voltado à cobertura do coronavírus. “O Rádio Livre vai levar todas as informações, desde as mais básicas – os cuidados e prevenções – até menos direcionadas, como serviços, mas que também tem impacto na vida das pessoas neste momento”, completa Diana Moura.

Na parte noturna, após o Balanço de Notícias, o Bola Rolando, que antes tinha 3 horas de duração, terá apenas 1 hora, temporariamente, entregando para A Voz do Brasil, às 19h. E às 20h, o programa Movimento segue até meia-noite, levando ao público uma informação mais leve, em formato de revista de variedades, mas sem deixar de lado o assunto do momento. No fim de semana, o Jornalismo da Rádio Jornal ainda terá mais 4 horas, nos sábados e domingos. “Se passássemos o dia respondendo as dúvidas do ouvinte, a programação nunca ia terminar, porque uns estão incrédulos, outros alarmados. A participação deles no Painel Interativo é intensa. E a informação de qualidade é importante porque sem ela você desinforma, deseduca e você propicia a propagação do vírus”, comenta Diana.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias