Crime brutal

Travesti é morta a facadas dentro de ônibus no Terminal do Cais Santa Rita, área central do Recife

O crime aconteceu por volta das 3h30 e, de acordo com testemunhas, teria sido motivado por ciúmes; o suspeito foi autuado em flagrante

Vanessa Moura
Vanessa Moura
Publicado em 25/06/2020 às 9:25
Notícia
BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
Mais um crime contra LGBTS. Uma travesti foi morta a facadas no Cais de Santa Rita; equipes de perícia examinam o local - FOTO: BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
Leitura:

Uma travesti, conhecida como Lady Gaga, com cerca de 30 anos de idade, foi esfaqueada na madrugada desta quinta-feira (25), dentro de um ônibus da linha Marcos Freire/Bacurau, ainda no Terminal do Cais de Santa Rita, no bairro de Santo Antônio, área central do Recife. De acordo com o motorista do coletivo, que preferiu não se identificar, a vítima entrou no ônibus buscando se proteger, mas não conseguiu. Foi atingida por pelo menos seis golpes de faca, quatro destes no pescoço. Ela não resistiu aos ferimentos e morreu pouco tempo depois. O crime aconteceu por volta das 3h30.

>>Suspeito de tentativa de triplo homicídio contra família é preso no Grande Recife

O suspeito, de 22 anos, foi encontrado ainda no terminal portando a faca que foi usada para cometer o assassinato e confessou o crime. Ele foi preso e levado ao Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), onde foi autuado em flagrante. Um adolescente de 17 anos, que teria ajudado no crime, foi apreendido. Ainda segundo o motorista, o crime teria sido motivado por ciúmes. 

Uma amiga da vítima, que também preferiu não se identificar, contou à reportagem do JC que o assassino e a travesti teriam iniciado uma suposta briga por volta da meia noite deste mesmo dia. A vítima chegou a pressentir a própria morte.

Equipes de perícia do Instituto de Criminalística foram acionados para fazer uma vistoria no local do crime. Segundo o perito Diogo Sinésio, as câmeras do ônibus não estavam funcionando e o crime não pôde ser registrado. Em nota, a Polícia Civil informou que a 1ª Delegacia de Polícia de Homicídios (DPH) do Recife conduzirá o caso. 

BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
Mais um crime contra LGBT'S. Uma travesti foi morta a facadas no Cais de Santa Rita; equipes de perícia examinam o local - BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
Mais um crime contra LGBT'S. Uma travesti foi morta a facadas no Cais de Santa Rita; equipes de perícia examinam o local - BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
Mais um crime contra LGBT'S. Uma travesti foi morta a facadas no Cais de Santa Rita; equipes de perícia examinam o local - BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
Mais um crime contra LGBT'S. Uma travesti foi morta a facadas no Cais de Santa Rita; equipes de perícia examinam o local - BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM
Mais um crime contra LGBT'S. Uma travesti foi morta a facadas no Cais de Santa Rita; equipes de perícia examinam o local - BRUNO CAMPOS/JC IMAGEM


Comentários

Últimas notícias