Investigação

Mãe de empresário morto durante briga de trânsito em Jaboatão presenciou toda a cena

Suspeito de efetuar disparo é um policial militar; SDS diz que vítima o agrediu

JC
JC
Publicado em 19/12/2020 às 14:27
Notícia
ALEX OLIVEIRA/JC IMAGEM
O crime aconteceu na Avenida Ulisses Montarroyos - FOTO: ALEX OLIVEIRA/JC IMAGEM
Leitura:

A empresária Claudete Muniz, mãe do também empresário Krisnha Ifa Muniz Teixeira, 26 anos, morto por um policial militar durante uma briga de trânsito nesta sexta-feira (18) em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, presenciou toda a cena. Poucos minutos antes, Krishna estava com a mãe e outros familiares quando percebeu que o irmão discutia com um outro homem na frente da casa, na Avenida Ulisses Montarroyos, no bairro de Piedade.

De acordo com testemunhas, inicialmente, ele pensou que o irmão estava sendo vítima de assalto. Quando chegou no local, constatou que se tratava de uma discussão de trânsito entre o irmão, que dirigia um carro, e o policial militar, que pilotava uma motocicleta. Na confusão, Krishna foi atingido por um tiro na nuca, segundo os parentes, disparado pelo policial.

Claudete Muniz chegou a segurar o filho ferido nos braços. Ele ainda foi levado para o Hospital da Aeronáutica do Recife (HARF), mas já chegou morto. O policial também se feriu na ação e foi encaminhado para um hospital particular na área central do Recife.

Por meio de nota, a Secretaria de Defesa Social (SDS) informou que o empresário teria agredido o PM com socos e pontapés, tentando tomar sua arma. Neste momento, o policial teria disparado contra ele.

À TV Jornal, Claudete disse que o soldado não demonstrou nenhum arrependimento após efetuar o disparo. Ela relatou que o policial demonstrava estar tranquilo, não foi algemado e ficou mexendo no celular, apagando as redes sociais. Agora, a empresária quer justiça pela morte do filho.

O policial foi encaminhado ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Ele foi ouvido e encaminhado para audiência de custódia. Imagens registradas pelo circuito de segurança podem ajudar na elucidação do caso.

O corpo de Krisnha Ifa Muniz Teixeira foi sepultado no Cemitério Memorial Guararapes.

Comentários

Últimas notícias