acidente

Laje de galpão desaba e atinge telhado de empresa vizinha em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife

Não há registro de vítimas até o momento

JC
JC
Publicado em 31/03/2021 às 16:43
Notícia
REPRODUÇÃO/VÍDEO CORPO DE BOMBEIROS
Telhado de galpão cai em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife - FOTO: REPRODUÇÃO/VÍDEO CORPO DE BOMBEIROS
Leitura:

Com informações de Matheus Rocha, repórter da TV Jornal

O Corpo de Bombeiros de Pernambuco e o  Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foram acionados na tarde desta quarta-feira (31) para uma ocorrência de desabamento em um galpão em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. Até o momento não há informações sobre vítimas.

De acordo com a equipe da TV Jornal, que foi até o local do acidente, localizado na Rua Alameda das Hortências, estava havendo uma obra no galpão de uma empresa de armazenamento de estoque, em que uma área estava sendo demolida. Por conta da obra, no entanto, a laje do local caiu e atingiu o prédio de uma gráfica que fica ao lado. 

Para Renato Lima, proprietário desse segundo galpão, estima que o prejuízo com o incidente chega a ser de R$ 400 a R$ 500 mil. O lugar deve ficar parado por 30 dias.

Tarcio Sampaio, dono da empresa que atua no local, explicou que a equipe estava "fazendo uma demolição de uma laje de bloco no último piso. Laje de bloco não tem sustentação, já que não é laje de concreto armado, por isso, cedeu. Agora é reconstruir", afirmou.

Funcionário da gráfica que foi atingida, Arleyson Nunes relatou à TV Jornal o susto que o desabamento provocou. "No momento, eu estava no meu setor (administrativo). Nós (ele e colegas) escutamos um barulho, mas achamos que era alguém tirando material na parte de cima. Quando corri até a porta, vi a estrutura caindo, mas graças a Deus não aconteceu nada com ninguém", disse.


Ao JC, a assessoria de comunicação do Corpo de Bombeiros afirmou que desde as 15h18 uma equipe encontra-se no galpão e que a assessoria aguarda retorno com mais informações. Até o momento, a equipe não registrou nenhuma vítima.

Já o SAMU afirmou que foi enviado até o local uma unidade de suporte básico do SAMU Recife, além de uma equipe motolância. Chegando o local, eles não encontraram vítimas.

Em nota, a Coordenadoria de Defesa Civil do Recife (Codecir), informou que a Prefeitura do Recife enviou equipes da Secretaria Executiva de Controle Urbano (Secon) e da própria Codecir ao local, onde a área foi isolada e o proprietário notificado a realizar demolição da estrutura e regularização da reforma do estabelecimento.

"Como o dono estava retirando uma parede interna sem a devida licença para realizar a reforma, foi também notificado para regularizar a situação, de forma a seguir as medidas de segurança. Quando o proprietário tomar as medidas necessárias, o imóvel estará liberado", informou comunicado.


 

Comentários

Últimas notícias