CHUVA

Chuva provoca deslizamentos de barreira e deixa desalojados no Grande Recife; saiba onde foram maiores precipitações

Por conta da quantidade de água, alguns transtornos foram notificados

Vanessa Moura
Vanessa Moura
Publicado em 04/05/2021 às 10:55
Notícia
TIÃO SIQUEIRA/JC IMAGEM
Esta terça-feira (4) é de chuva no Grande Recife - FOTO: TIÃO SIQUEIRA/JC IMAGEM
Leitura:

Nesta terça-feira (4), a madrugada e a manhã foram de chuva em cidades do Grande Recife. De acordo com monitoramento da Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac), os maiores índices de precipitação nas últimas 24 horas ficaram por conta de Paulista, com 64,04 mm, Jaboatão dos Guararapes, com 60,51 mm, e Cabo de Santo Agostinho, com 57,58 mm. As vizinhas Olinda e Recife também registram acumulado maior que o comum, com 55,21 mm e 51,01 mm respectivamente.

Por conta da quantidade de água, alguns transtornos foram notificados. Em Jaboatão, por exemplo, foram seis deslizamentos de barreira e oito pessoas desalojadas. Além disso, 15 chamados foram atendidos pela Superintendência de Defesa Civil e Proteção do município e 880 lonas foram colocadas em encostas. Apesar disto, não há informações de feridos.

As prefeituras de Paulista e Cabo, por sua vez, ainda estão apurando os resultados das últimas chuvas. Enquanto Olinda e Recife não tiveram ocorrências sérias, segundo informaram as gestões municipais de cada uma.

Ainda assim, um muro de contenção caiu na Rua Severina Maria da Conceição, nos Bultrins, em Olinda, por volta das 7h50, e atingiu a cozinha de uma casa. "Eu estava dormindo com meus filhos quando escutei o estrondo. O susto foi grande. Graças a Deus, ninguém se machucou", conta Raíssa de Souza, dona da casa. Agora, técnicos da Defesa Civil de Olinda avaliam a estrutura do imóvel.

WELINGTON LIMA/JC IMAGEM
Queda de muro em Olinda, no Grande Recife, causada pelas chuvas - WELINGTON LIMA/JC IMAGEM

Ainda segunda a Apac, apesar das chuvas continuarem nesta terça, até o momento não há indicativo para emissão de alerta meteorológico. A agência informou que segue monitorando o tempo. Em caso de transtornos, a população deve ligar para a Coordenadoria de Defesa Civil do Estado de Pernambuco (Codecipe) através de sua Central de Operações, pelos números 199 e (81) 3181-2490.

Previsão

Nesta terça-feira (4), a Apac prevê um tempo parcialmente nublado com pancadas de chuva de forma isolada ao longo do dia e com intensidade fraca a moderada para Região Metropolitana do Recife, Mata Norte e Agreste. 

Já na Mata Sul, no Sertão de Pernambuco e no Sertão do São Francisco, a previsão é de tempo nublado a parcialmente nublado com pancadas de chuva de forma isolada ao longo do dia com intensidade fraca a moderada.

O arquipélago de Fernando de Noronha, por sua vez, fica nublado e sem chuva.

Temperatura

Grande Recife - Mínima de 21°C e máxima de 31°C;
Mata Norte - Mínima de 22°C e máxima de 31°C;
Mata Sul - Mínima de 21°C e máxima de de 30°C;
Agreste - Mínima de 17°C e máxima de 33°C;
Sertão de Pernambuco - Mínima de 17°C e máxima de 34°C;
Sertão de São Francisco - Mínima de 19°C e máxima de 34°C;
Fernando de Noronha - Mínima de 26°C e máxima de 30°C.

Comentários

Últimas notícias