NO CURADO

Adolescente que agrediu colega dentro da escola é indiciado por ato infracional análogo a homicídio culposo

A Polícia Civil concluiu, nesta sexta-feira (23), as investigações sobre a morte de um adolescente dentro de uma escola em Jaboatão

Douglas Hacknen
Douglas Hacknen
Publicado em 23/07/2021 às 20:19
Notícia
REPRODUÇÃO/TV JORNAL
Câmera de segurança registrou a agressão - FOTO: REPRODUÇÃO/TV JORNAL
Leitura:

A Polícia Civil concluiu, nesta sexta-feira (23), as investigações sobre a morte de um adolescente dentro da Escola de Referência em Ensino Médio Frei Romeu Peréa, em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife, no dia 22 de junho. A vítima, de 17 anos, foi agredida por outro aluno da instituição, de 15 anos, que vai responder por "ato infracional análogo ao crime de homicídio culposo", quando não há intenção de matar.

Em nota, a PCPE informou que o inquérito já foi remetido ao Ministério Público (MPPE). O adolescente morreu durante uma "brincadeira de brigar", no intervalo das aulas, na escola pública estadual. Câmeras de segurança registraram o momento da "brincadeira". Caído no chão, o jovem ficou desacordado e foi levado à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do bairro do Curado, mas não resistiu.

Laudo médico

Inicialmente, o laudo médico registrava um caso de morte súbita, mas após a chegada das informações sobre as circunstâncias da morte, a polícia foi acionada.

Nota da PCPE

A Polícia Civil informa que as investigações foram concluídas e o Inquérito foi remetido ao Ministério Público. As investigações, depoimentos e outros elementos coletados indicaram, conforme o Código Penal, para o cometimento de um ato infracional análogo ao crime de homicídio culposo. O trabalho policial foi realizado com dedicação e dentro da técnica e da legalidade, de modo a elucidar as circunstâncias da ocorrência que culminou na morte do estudante de 17 anos.

Comentários

Últimas notícias