MOBILIDADE

Fiscalização eletrônica na Faixa Azul da Agamenon Magalhães entra em vigor; motoristas devem ficar atentos

Segundo a Secretaria de Política Urbana e Licenciamento (Sepul) e a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), o objetivo da medida é garantir a prioridade para o transporte público na avenida

JC
JC
Publicado em 30/08/2021 às 11:36
TIÃO SIQUEIRA/JC IMAGEM
Fiscalização na Faixa Azul da Avenida Agamenon Magalhães, no Centro do Recife - FOTO: TIÃO SIQUEIRA/JC IMAGEM
Leitura:

Equipamentos eletrônicos de fiscalização começam a atuar na Faixa Azul da Avenida Agamenon Magalhães, no Centro do Recife, nesta segunda-feira (30). Segundo a Secretaria de Política Urbana e Licenciamento (Sepul) e a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), o objetivo da medida é garantir a prioridade para o transporte público na avenida.

>> Faixa Azul da Agamenon Magalhães terá fiscalização eletrônica a partir do dia 30 de agosto

Serão 14 equipamentos de fiscalização eletrônica implantados nos dois sentidos, ao longo da primeira etapa, com 4 km, que tem início na altura do Hospital Português e segue até as proximidades do Viaduto da Avenida João de Barros. Estes equipamentos funcionam conectados entre si e apenas os condutores que são flagrados por duas ou mais câmeras são multados. 

De acordo com levantamento da CTTU, a Faixa Azul da Avenida Governador Agamenon Magalhães beneficia, diariamente, mais de 250 mil passageiros que trafegam nas 64 linhas de ônibus que circulam na via diariamente. Mais pessoas que os veículos particulares, que transportam, em média, 150 mil passageiros na avenida, apesar de ocupar mais espaço.

>> CTTU monta esquema especial de trânsito por causa de obra na Ilha do Leite, área central do Recife

>> É falso que a CTTU tenha implantado 150 equipamentos de fiscalização eletrônica na Região Metropolitana do Recife

A enfermeira Erivalda Gomes é um destes passageiros. Ela utiliza um ônibus na Avenida Agamenon Magalhães para chegar até o trabalho. Para ela, a faixa azul exclusiva para os coletivos deveria ajudar a diminuir o tempo do trajeto, mas, na prática, a realidade é outra. "Os carros acabam invadindo essa faixa e dificultando a passagem dos ônibus e isso atrasa bastante a viagem", revelou.

A partir de agora, no entanto, os condutores de carros e motos devem ficar atentos. Quem for flagrado passando pela Faixa Azul onde existe a fiscalização, será multado. Apenas motoristas que utilizarem a área para embarque e desembarque de passageiros serão poupados. 

"Aqui na Agamenon quem passar e for flagrada pela câmera será notificado, exceto os veículos que pararem para desembarque de passageiro. É uma multa gravíssima de 7 pontos na carteira e um valor de R$ 293", explicou o Gerente de Tecnologia da CTTU, Dalmário Barros. 

Comentários

Últimas notícias