TRAGÉDIA

Bebê morre após ser baleado na Zona Norte do Recife; suspeita é que criança de 11 anos tenha atirado por acidente

O disparo acertou o coração da criança, que chegou a ser levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá e encaminhada ao Hospital da Restauração, no Derby, mas não resistiu aos ferimentos

Vanessa Moura
Vanessa Moura
Publicado em 14/09/2021 às 7:34
Notícia
DIEGO NIGRO/ACERVO JC IMAGEM
O bebê não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital da Restauração - FOTO: DIEGO NIGRO/ACERVO JC IMAGEM
Leitura:

Atualizada às 10h20.

Um bebê de um ano e seis meses morreu após ser atingido por um tiro acidental de espingarda nessa segunda-feira (13), em Dois Irmãos, Zona Norte do Recife. O disparo acertou o coração da criança, que chegou a ser levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá, e encaminhada posteriormente ao Hospital da Restauração, no Derby, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com a polícia, existem duas versões para o caso. A primeira aponta que a arma teria sido disparada sozinha. Já a segunda hipótese supõe que uma outra criança, de 11 anos, prima do bebê, teria realizado o disparo de forma acidental. O garoto teria pego a arma do pai, que estava guardada em um banheiro desativado na parte de cima da casa da família. 

O dono da arma é tio da vítima e informou que a espingarda era utilizada para caçar na região onde mora. Ele prestou depoimento no DHPP e foi liberado. A espingarda foi apreendida pelos policiais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e encaminhada ao Instituto de Criminalística (IC), onde passará por perícia.

O delegado responsável pelo caso instaurou um inquérito por portaria. Por se tratar de uma criança, a escuta deve acontecer com uma equipe especializada de policiais e psicólogos.

O corpo do bebê está no Instituto de Medicina Legal (IML) e o sepultamento acontecerá ainda na tarde desta terça-feira (14).

 

 

 

Comentários

Últimas notícias