ELEIÇÕES 2020

Sobre candidatura de Débora Dantas, Geraldo Julio diz que PSB está de ''braços abertos''

A jovem Débora Dantas, vítima de acidente de kart no Recife, deve se filiar ao PSB para disputar eleição como vereadora

Cássio Oliveira Gabriela Carvalho
Cadastrado por
Cássio Oliveira
Gabriela Carvalho
Publicado em 05/03/2020 às 12:38 | Atualizado em 05/03/2020 às 17:16
Leitura:

O prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), comentou, nesta quinta-feira (5), sobre a possibilidade de uma candidatura da jovem Débora Dantas, vítima de escalpelamento em uma acidente de kart, para vereadora do Recife pelo PSB.

"Acho que a participação das mulheres na política é sempre importante. O PSB está aberto sempre. Se as pessoas tiverem interesse em cumprir um papel a favor da população, a favor do combate à desigualdade, estamos sempre de braços abertos para receber", afirmou o prefeito, após evento para receber 43 novos médicos da Atenção Básica à Saúde que foram aprovados na última seleção pública simplificada da Secretaria de Saúde (Sesau) do Recife.

Débora confirmou ao JC, na terça-feira (3), que pretende lançar-se candidata a uma vaga na Câmara Municipal do Recife nas eleições municipais deste ano e o presidente estadual do PSB, Sileno Guedes, pretende marcar uma nova reunião com a jovem para acertar os detalhes de sua filiação ao partido. 

Nas redes sociais, muitos internautas afirmaram que a jovem estaria “se aproveitando” da repercussão do seu acidente, e que disputar um cargo público “não seria o melhor caminho”. Outros questionaram o fato dela não ter experiência na política e não ter esclarecido qual seria a sua bandeira, ou projeto, para encarar um pleito municipal.

Sobre os comentários negativos, Sileno acredita que essa reação seja fruto do atual cenário que o País enfrenta. “Qualquer caminho de mudança, seja ele qual for, só acontece através da política. Fico triste em ver que as pessoas interpretem a entrada na política como oportunismo, algo feio e sujo”, declarou.

Débora Dantas explicou que sua aproximação com o PSB se dá pelo viés das pautas defendidas pelo partido do governado do Estado, Paulo Câmara, e do prefeito do Recife, Geraldo Julio. “Não sou de extremos, porque eles não constroem nada. Nós precisamos ter pluralidade nos pensamentos e ver a sociedade como um todo. Acredito que a esquerda tenha esse viés mais humanitário e o meu objetivo sempre foi salvar vidas. Jamais poderia apoiar alguém que diz que os pobres não têm vez”, declarou Débora.

DOUGLAS CINTRA

O prefeito ainda comentou a exoneração do caruaruense Douglas Cintra do comando da Sudene. Na visão de Geraldo, tudo no governo Bolsonaro é 'atrapalhado'. "O preenchimento de cargos, a distribuição dos desafios que o Brasil tem, por esse governo que está em Brasília é sempre uma coisa atrapalhada e mais uma vez isso aconteceu. E quem paga o preço disso é o povo mais pobre, é o povo que paga pela desarticulação desse governo", afirmou o socialista. O presidente Jair Bolsonaro publicou no Diário Oficial da União, a exoneração do caruaruense Douglas Cintra do cargo de superintendente da Sudene na última terça-feira (3). O substituto será Evaldo Cavalcanti Neto.

Comentários

Últimas notícias