Ex-ministro

Weintraub deseja "sorte e sucesso" a Renato Feder, que deve assumir o Ministério da Educação

Weintraub deixou o MEC no último dia 18 de junho após uma sequência de crises com outras instituições

JC
JC
Publicado em 03/07/2020 às 12:53
Notícia
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
O ex-ministro da Educação do Governo Bolsonaro Abraham Weintraub - FOTO: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Leitura:

O ex-ministro da Educação Abraham Weintraub desejou, nesta sexta-feira (3), por meio das redes sociais, sucesso ao novo titular da pasta, Renato Feder, e disse estar torcendo "pelo bem do Brasil". Feder ainda não foi oficializado no cargo.

Weintraub deixou o MEC no último dia 18 de junho após uma sequência de crises com outras instituições, que se agravou após o ex-ministro chamar ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) de 'vagabundos'.

>> Governo federal retifica data de exoneração de Abraham Weintraub

>> Veja a repercussão dos políticos após a saída de Weintraub do Ministério da Educação

Já o novo ministro escolhido por Bolsonaro, Renato Feder, é atualmente secretário de Educação do Paraná. Ele pode ser confirmado ainda nesta sexta-feira (3) pelo presidente.

Feder já era cotado para a vaga quando Weintraub deixou o governo, mas Bolsonaro optou pelo professor Carlos Decotelli. No entanto, Decotelli saiu do ministério antes mesmo de tomar posse, em razão da descoberta de inconsistências em seu currículo.

No Paraná, Feder trabalha na gestão do governador Ratinho Júnior, do PSD - partido que vêm se aproximando de Bolsonaro nos últimos meses, na tentativa do presidente de construir uma base de apoio no Congresso Nacional.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias