TRIBUNAL DE CONTAS

Ana Arraes é eleita presidente do TCU

A ministra foi eleita por unanimidade na sessão do pleno daquela corte na tarde desta quarta-feira (02)

JC
JC
Publicado em 02/12/2020 às 16:15
Notícia

REPRODUÇÃO/YOUTUBE TCU
UNANIMIDADE.A eleição desta Casa nesta quarta-feira contou com a presença de todos os ministros da corte - FOTO: REPRODUÇÃO/YOUTUBE TCU
Leitura:

O pleno do Tribunal de Contas da União (TCU) elegeu por unanimidade, com nove votos, a ministra Ana Arraes para presidente daquela corte e o ministro Bruno Dantas para vice. "Não posso deixar de lembrar que neste século serei a primeira mulher a presidir esta Casa. Sinto-me honrada por elevar a participação feminina nas tomadas de decisão e pretendo inspirar outras mulheres a alçarem espaços como este, assim como fez a saudosa ministra Élvia Lordello Castello Branco, primeira mulher a ascender ao cargo", disse Ana Arraes no pronunciamento que fez logo depois da eleição. Élvia foi presidente do TCU entre 1987 e 1995. Ana é avó do prefeito eleito do Recife, João Campos (PSB), mãe do ex-governador Eduardo Campos (PSB) e filha do ex-governador Miguel Arraes (PSB).

>> Ana Arraes vai ser eleita presidente do TCU

No seu discurso, Ana Arraes afirmou que vai conduzir a presidência desta Casa "em todo o conhecimento e experiência que o tribunal vem se firmando ao longo dos anos". Sobre os planos, afirmou que a nova gestão terá "continuidade administrativa e os ajustes que consideramos necessários". Ela terminou o discurso agradecendo aos ministros e ao corpo técnico da Casa.

O mandato de Ana Arraes e de Bruno Dantas é de um ano, com possibilidade de recondução por igual período. Ana Arraes vai substituir o também pernambucano José Múcio, atual presidente daquela corte de contas. Além da vice-presidência, Dantas também assumirá a Corregedoria do órgão.

Participaram da eleição os nove ministros titulares do Tribunal. A votação é uma formalidade, porque pelo regimento do TCU é escolhido o ministro mais antigo que ainda não tenha assumido a presidência. Desse modo, depois dela o próximo presidente será Bruno Dantas.

A cerimônia de posse de Ana Arraes está marcada para o próximo dia 10 e o exercício da gestão começa em 1º de janeiro de 2021. A assessoria de comunicação disse que ela só vai dar entrevista depois que iniciar a sua gestão.

Ana Arraes foi indicada ao TCU pela Câmara dos Deputados, em 2011, para a vaga aberta após a aposentadoria do ministro Ubiratan Aguiar. A escolha contou com a articulação política do ex-governador Eduardo Campos, morto num acidente aéreo na campanha presidencial de 2014. Ela é formada em direito e foi deputada federal por Pernambuco entre 2007 e 2010.

ANTONIO LEAL/SECOM-TCU
Ministra Ana Arraes foi eleita presidente do TCU na tarde desta quarta-feira (02) - FOTO:ANTONIO LEAL/SECOM-TCU

Comentários

Últimas notícias