SENADO

Vídeo: Veja o momento em que presidente da CPI da Covid dá voz de prisão a Roberto Dias

Omar Aziz alega que o ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde Roberto Ferreira Dias foi preso por causa das diversas contradições nas informações que prestou, apesar de ter assinado compromisso de dizer e não calar a verdade

Douglas Hacknen Agência Senado
Douglas Hacknen
Agência Senado
Publicado em 07/07/2021 às 21:18
Notícia
Waldemir Barreto/Agência Senado
O presidente da CPI da Covid, senador Omar Aziz (PSD-AM), dá voz de prisão a Roberto Ferreira Dias, alegando que o ex-diretor da Saúde "só mentiu" em seu depoimento - FOTO: Waldemir Barreto/Agência Senado
Leitura:

O presidente da CPI da Covid, senador Omar Aziz (PSD-AM), deu voz de prisão ao ex-diretor do Departamento de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Ferreira Dias, ao final de seu depoimento, nesta quarta-feira (7). Dias foi acusado de mentir sobre a acusação de pedir propina no episódio da oferta de 400 milhões de doses da vacina Oxford/AstraZeneca.

O depoimento durou mais de sete horas. Por estar sob juramento e por ser convocado como testemunha, e não como investigado, Dias estava obrigado a falar a verdade. Os parlamentares da Comissão pressionaram o depoente para falar a verdade sobre encontro ocorrido em um restaurante de Brasília, em 25 de fevereiro, entre ele, o cabo da PM-DF Luiz Paulo Dominguetti, suposto representante da Davati, e o coronel Marcelo Blanco, ex-diretor-substituto de Logística do ministério. Dias afirmou que o encontro foi casual, mas áudios atribuídos a Dominguetti, apresentados na CPI, desmentiram sua versão.

Assista

 


Comentários

Últimas notícias