ANIMAÇÃO

Com a volta de He-Man em série da Netflix, relembre outros desenhos que tiveram nova versão

Protagonismo feminino, personagem gay e politicamente correto são as novas premissas das animações

Gabriela Andrade
Gabriela Andrade
Publicado em 23/07/2021 às 9:39
Notícia
NETFLIX/DIVULGAÇÃO
HERÓI Ícone dos anos 1980, He-Man regressa numa história inédita - FOTO: NETFLIX/DIVULGAÇÃO
Leitura:

Os fãs da cultura pop dos anos 1980, marcados pelo grito "Pelos poderes de Grayskull, eu tenho a força!", podem se alegrar pois o personagem He-Man está de volta, agora repaginado numa série animada inédita da Netflix. A estreia acontece nesta sexta-feira (23).

Intitulada Mestres do Universo: Salvando Etérnia, a mais nova série animada inspirada pela linha de brinquedos da Mattel é uma reavaliação madura e respeitosa sobre a história original, contada em He-Man e os Mestres do Universo (1983). A parte 1 da nova série animada é composta por cinco episódios e mostra o protagonismo de personagens mulheres.

LEIA TAMBÉM: Astro da Seleção Brasileira de vôlei declara ser fã de Now United, BLACKPINK e BTS

Na animação ocorre uma batalha entre He-Man e seu antigo rival Esqueleto faz com que a magia de todo o planeta-título comece a se extinguir. Assim, as forças bondosas de Grayskull e maléficas da Montanha da Serpente têm de se unir para encontrar as duas metades da Espada do Poder, perdidas durante o embate.

Com He-Man e Esqueleto fora de combate, resta a Teela comandar um grupo com Andra, Maligna, Gorpo e Roboto em uma jornada do inferno ao céu para resgatá-las, uni-las e restaurar a magia. A jornada, entretanto, não é fácil, e promete custar vidas de personagens queridos que antes nunca pareceram tão ameaçados.

LEIA TAMBÉM: Há 10 anos, partia Amy Winehouse; recorde a passagem dela pelo Recife

Confira o trailer:

'Rugrats - Os Anjinhos' 

A série foi lançada originalmente em 1991, com uma temática que explorava a visão dos bebês em relação ao mundo. No primeiro semestre de 2021, o serviço de straming da Paramount +, lançou uma nova série Rugrats e surpreendeu o público ao revelar que a personagem Betty, mãe de Phil e Lil, casada com Howard na versão original, desta vez é gay.

Carmen Sandiego

O serviço de streaming Netflix, lançou em 2018 uma nova versão de Carmen Sandiego, clássico desenho dos anos 1990 baseado em um jogo de videogame que conta a história de uma famosa ladra que viaja pelos lugares mais interessantes e belos do mundo roubando raros objetos culturais. A animação conta com 4 temporadas.

Popeye

Em 2018, o marinheiro Popeye ganhou uma nova versão, a reformulação considerada politicamente correta é intitulada Popeye’s Island Adventures. A série tem 25 episódios que buscam comemorar os 90 anos do surgimento do personagem. Os capítulos disponíveis no Youtube são curtos, por volta de dois minutos, e sem diálogos.

Na série, Popeye não fuma e consome espinafre orgânico. As medidas visam passar mensagens para crianças. No caso do espinafre, o marinheiro terá uma horta no seu próprio navio.

 

Comentários

Últimas notícias