ENTENDA O CASO

Vice Miss Bumbum expõe episódio de racismo em hotel

"Me senti humilhada, constrangida e frustrada", desabafou a modelo sobre o episódio de racismo

Augusto Tenório
Augusto Tenório
Publicado em 27/07/2021 às 16:03
Notícia
Reprodução/Instagram @eujuhcampos
A modelo Juliana Campos - FOTO: Reprodução/Instagram @eujuhcampos
Leitura:

Vice-campeã da edição deste ano do concurso Miss Bumbum, Juliana Campos descreveu um episódio de racismo. Ao Yahoo, a modelo conta ter sido impedida de entrar no hotel Hilton Copacabana, no Rio de Janeiro no último domingo (25).

"Já tinha uma reserva, que inclusive estava paga. Porém, quando cheguei na recepção sem meu acompanhante, que era o dono do cartão de crédito, fui impedida de me hospedar, mesmo mostrando a reserva no meu e-mail. Eles não deram nenhuma explicação. Acredito que fui vítima de racismo porque julgaram que não teria condições de pagar a estadia", contou Juliana Campos.

Na avaliação da modelo, o ocorrido pode ser traduzido como uma situação de racismo estrutural. Trata-se de uma manifestação racista cuja violência não está explicitamente presente na fala ou na ameaça física, mas colocada nas entrelinhas.

"A forma que me olhavam, como falam comigo e me trataram mal. Nunca passei por isso, me senti humilhada, constrangida e frustrada", desabafou.

LEIA TAMBÉM > Pastor chora e diz que equipe criminal vai acionar quem o acusa de assédio

Ao UOL, o Hilton Copacabana alegou ter "tolerância zero para qualquer forma de racismo e discriminação e está comprometido em oferecer acomodações de qualidade e um ambiente acolhedor a todos que entram por nossas portas".

A nota ainda acrescenta: "Como parte no nosso procedimento de check-in, nós solicitamos um método de pagamento para o quarto, as taxas e consumos adicionais, com uma identificação com foto, dado que esse é um procedimento padrão na indústria da hospitalidade. Nós levamos esse assunto muito a sério e continuamos nossa investigação interna sobre a alegação relatada".

O próprio concurso Miss Bumbum também se posicionou sobre o ocorrido:

Comentários

Últimas notícias