ALTERNATIVA

Saiba como após diagnóstico de depressão, Talytha Pugliesi melhorou com tratamentos naturais

Top model especializou-se em estudos de aromaterapia, xamanismo e holísticos, além de ter aderido ao uso terapêutico da cannabis

Gabriela Andrade
Gabriela Andrade
Publicado em 31/07/2021 às 10:00
Notícia
Vini Ziehe
Talytha Pugliesi - FOTO: Vini Ziehe
Leitura:

Após recorrentes episódios de ansiedade, tristeza e pânico, Talytha Pugliesi, 39 anos, percebeu que sua saúde mental não estava bem. Em 2010, ela buscou auxílio psiquiátrico e foi diagnosticada com depressão. "A depressão não escolhe idade, biotipo, situação profissional ou qualquer outro pré-requisito", disse a modelo.

"No início, pensava que era algo passageiro, uma tristeza que demorava a ir embora, mas procurei ouvir os sinais que meu corpo dava. É como um processo de despertar", afirma Talytha Pugliesi. Em 2018, após enfrentar um período de luto, o seu quadro de depressão se agravou.

LEIA TAMBÉM: Musa das Olimpíadas: Ingrid Oliveira é apontada como uma das mais belas na competição

Quem é Talytha Pugliesi?

Nascida em São Paulo, Talytha Pugliesi construiu carreira de prestígio na moda: foi eleita pelo ranking-referência Models.com como uma das 20 top models mais poderosas e despontou entre as 05 tops brasileiras do mercado mundial.

A modelo morou em Paris por mais de doze anos, em Nova Iorque, além de ter viajado para mais de 100 cidades em 40 diferentes países. Onde desfilou e posou para campanhas de grifes como: Dolce & Gabbana, Gucci, Yves Saint Laurent, Louis Vuitton, Versace, Armani, Givenchy, Chanel e Christian Dior, dentre outras.

FOTO: Pupin e Deleu
Talytha Pugliesi - FOTO: Pupin e Deleu

Luta contra a depressão

Após seu diagnóstico, Talytha Pugliesi passou a se informar mais sobre a doença, como lidar com ela e sobre todos os possíveis aliados na busca da cura: "Tomo os remédios prescritos pelo médico que acompanha meu caso, o que é essencial no processo, além de psicanálise semanal, mas mesmo assim ainda havia um espaço que eu precisava preencher dentro de mim", relembra a top model.

A modelo possuía curiosidade e apreço por tratamentos naturais, então em 2019, decidiu aprofundar-se em estudos sobre terapias alternativas: "Sempre tive um lado místico, passei a fazer uso terapêutico da cannabis, e também fui estudar sobre terapias holísticas, como reiki, aromaterapia e tudo que pudesse elevar meu nível de bem-estar e me tornar emocionalmente e fisicamente mais saudável", afirma Talytha Pugliesi.

 

LEIA TAMBÉM: Saiba quanto ganha um brasileiro ao ganhar medalha nas Olimpíadas

A top model encontrou na reconexão com a natureza, um aliado para enfrentar a depressão: "Grande parte da cura está na natureza, nos saberes ancestrais trazidos para o autocuidado do dia a dia", diz ela. "Passei a fazer alguns itens caseiros com óleos essenciais e vegetais, como velas aromáticas, banhos e tudo que pudesse despertar uma melhora no meu campo energético", revela Talytha Pugliesi.

Da evolução pessoal ao empreendedorismo 

O que era uma busca por evolução pessoal e bem-estar, deu tão certo que acabou virando um bom-negócio: "Resolvi compartilhar aquilo que me fazia bem, com outras pessoas que também pudessem se beneficiar", relatou Talytha Pugliesi.

Os itens naturais que a modelo passou a fazer uso acabaram caindo no gosto de seus amigos: "Eles iam em casa, provavam meus óleos essenciais, banhos, velas e tudo que eu fazia, e sentiam uma profunda positividade e melhora em sintomas como stress e tristeza", relembra ela. 

Foi assim que Talytha Pugliesi lançou a Santa Cianita, empresa especializada em produtos artesanais voltados ao bem-estar."Cada um busca estimular diferentes sensações". Usando ingredientes naturais - como tinturas botânicas, alecrim, limão siciliano, tangerina, lavanda, capim limão, tea tree, entre outros.

A marca da modelo conta com linhas de perfumes terapêuticos feitos com óleos essenciais, além dos banhos, velas aromáticas, sprays energéticos, dentre outros produtos que focam nas necessidades de: "Calmaria", "Alegria", "Amor", "Luz" e "Relaxamento".

Vini Ziehe
Talytha Pugliesi - FOTO:Vini Ziehe
Pupin e Deleu
Talytha Pugliesi - FOTO:Pupin e Deleu

Comentários

Últimas notícias