CONFIRA

Ana Maria Braga rebate discurso antivacina

Após a morte de Tarcísio Meira, pessoas contra a imunização usaram o ator para justificar suas ideias

Ana Anjos
Ana Anjos
Publicado em 13/08/2021 às 16:43 | Atualizado em 16/08/2021 às 13:21
REPRODUÇÃO/TV GLOBO
Ana Maria Braga voltou ao trabalho após se curar da covid-19 - FOTO: REPRODUÇÃO/TV GLOBO
Leitura:

Durante o 'Mais Você', programa apresentado por Ana Maria Braga na Globo, ela utilizou uma parte de seu tempo para defender a vacinação contra a covid-19, pois grupos antivacinas usaram a morte de Tarcísio Meira como justificativa. Com as duas doses e contaminada no início de julho, Ana Maria Braga relembrou o momento, nesta sexta (13), para enfatizar que o imunizante a ajudou na recuperação.

"Como sabem, tive covid-19 um mês atrás e se não tivesse tomado vacina e estivesse protegida, devido à minha idade e às minhas comorbidades, provavelmente não estaria conversando com vocês aqui agora", contou a jornalista que teve apenas sintomas leves durante a infecção.

Militante, Ana Maria Braga mudou o ponto de vista e comentou que outras coisas devem ser colocadas na mesa, como a demora do governo para distribuir as vacinas, principalmente por conta das ofertas feitas pelos laboratórios que produzem a vacina contra o coronavírus e que foram ignoradas pelo governo.

A apresentadora continuou falando que recebeu a CoronaVac, a mesma de Tarcísio Meira e Glória Menezes, e afirmou que todos devem tomar a vacina: "Se não tivesse tomado as doses da CoronaVac, posso falar com tranquilidade, eu provavelmente não estaria aqui, como muitos que não tiveram a chance de tomar a vacina e se foram".

Comentários

Últimas notícias