Datena alfineta Suzane von Richthofen no programa Brasil Urgente

Ao falar sobre lei da improbidade, apresentador dá um jeito de citar Suzane von Richthofen: 'Sai toda hora da cadeia'

JC
JC
Publicado em 01/10/2021 às 7:31 | Atualizado em 01/10/2021 às 7:32
Datena - Crédito: Reprodução / Band
José Luiz Datena - FOTO: Datena - Crédito: Reprodução / Band
Leitura:

O apresentador Datena chamou a atenção dos telespectadores ao citar Suzane von Richthofen durante o programa Brasil Urgente da última quinta-feira, 30/09. Ele falou sobre ela enquanto refletia sobre o Poder Judiciário e o Congresso Nacional, e acabou criticando o fato da presa sair da cadeia para estudar.

O assunto começou quando Datena exibiu uma reportagem sobre bandidos. Assim, ele lembrou de uma lei. “Agora a lei da improbidade é o seguinte: político só vai preso se roubar dolosamente. Como você vai provar que roubou dolosamente? Tem muito ladrão que vai ser candidato e devia estar na cadeia e também está dizendo que roubou sem querer”, declarou ele, e completou: “Roubo não é pênalti, onde vale a intenção. Não é mão na bola. É mão na bola, mas de muito direito seu. Como é que pode aprovar lei da improbidade?”.

Então, ele citou Suzane. “Isso é que dá vantagens para esses canalhas estarem soltos na rua. Esses, chefes de PCC, Suzane Richthofen que foi na escola ontem, saiu da cadeia para ir na escola. E a maioria das crianças não tem nem escola para estudar e nem merenda quando tem escola”, declarou.

Por fim, Datena alfinetou a condenação da presa. “Em alguns estados dos EUA a Suzane teria sido condenada à morte pelo que ela fez, em outros seria a prisão perpétua. Aqui ela sai toda hora da cadeia”, declarou.

Filmes

Vale lembrar que foram lançados dois filmes sobre o caso de Suzane Richthofen e sua condenação. As produções A Menina que Matou os Pais e O Menino Que Matou Meus Pais estão disponíveis em serviços de streaming e são protagonizados pela atriz Carla Diaz.

Em entrevista ao site UOL, Carla Diaz contou qual foi a cena mais difícil de gravar como Suzane Richthofen. Ela disse que o momento mais complexo do trabalho foi a cena do julgamento no tribunal. A estrela ainda elogiou o trabalho de Leonardo Bittencourt como Daniel Cravinhos. “Foi incrível, só nós sabemos o quanto foi importante essa parceria, inclusive com toda a equipe para esse projeto dar certo. Afinal, estávamos gravando dois filmes ao mesmo tempo”, contou.

Comentários

Últimas notícias