LIVROS

Conheça Abdulrazak Gurnah, tanzaniano que venceu o Prêmio Nobel de Literatura 2021

Nascido na Tanzânia em 1948, escritor tem como tema principal de suas obras os refugiados

Samantha Oliveira
Samantha Oliveira
Publicado em 07/10/2021 às 10:14 | Atualizado em 31/12/1969 às 21:00
Reprodução/Instagram
O romancista tanzaniano Abdulrazak Gurnah, vencedor do Prêmio Nobel de Literatura 2021 - FOTO: Reprodução/Instagram
Leitura:

A Academia Sueca anunciou na manhã desta quinta-feira, 7, que Abdulrazak Gurnah venceu o Prêmio Nobal de Literatura 2021. O romancista foi reconhecido por sua "penetração intransigente e compassiva dos efeitos do colonialismo do destino do refugiado no abismo entre culturas e continentes".

Nascido em 1948, Abdulrazak Gurnah cresceu na ilha de Zanzibar, na Tanzânia, se mudando para a Inglaterra na década de 60, como refugiado. Ao todo, o romancista escreveu dez livros e diversos contos ao longo da carreira, tendo como tema principal os refugiados.

Seu maior sucesso é o livro Paradise, lançado em 1984, que se passa no leste africando durante a Primeira Guerra Mundial. A obra, inclusive, foi finalista do Booker Prize de ficção.

Já sua obra mais recente foi lançada em 2020. Afterlives conta a história de Hamza, um rapaz que é forçado a ir para a guerra ao lado dos alemães. Lá, ele se torna dependente de um oficial, que comete absusos sexuais contra ele.

"Seus romances fogem de descrições estereotipadas e abrem nossos olhares para uma África Oriental culturalmente diversificada, desconhecida para muitos em outras partes do mundo", declarou a Academia Sueca.

Além de escritor, Abdulrazak Gurnah também atuava como Professor de Inglês e Literaturas Pós-coloniais na Universidade de Kent, em Canterbury. Hoje, ele está aposentado.

 

Comentários

Últimas notícias