PARA DANÇAR

Dia da Lambada: Saiba mais sobre esse ritmo contagiante

Data é celebrada nesta sexta-feira (22)

Gabriela Andrade
Gabriela Andrade
Publicado em 22/10/2021 às 12:35 | Atualizado em 22/10/2021 às 13:12
Divulgação/ TV Globo
A atriz Mariana Santos dançando lambada no Dança dos Famosos, em 2015 - FOTO: Divulgação/ TV Globo
Leitura:

Em 22 de outubro, é celebrado o Dia da Lambada, ritmo que foi sucesso nos anos 80 e 90, e une sons do Norte e Nordeste.

A lambada virou febre no Brasil com suas músicas contagiantes e passos cheios de gingado. É uma dançada em pares que tem influência de ritmos como a cúmbia e o merengue.

Para celebrar esse ritmo que tem traços muito parecidos com o zouk, - estilo mais moderno e mais lento - , confira algumas curiosidade sobre a lambada:

Origem

A lambada surgiu da junção de outros ritmos brasileiros, como o forró nordestino, guitarrada, cumbia, o carimbó da Amazônia e outros elementos latinos. O auge dessa dança brasileira - originada no Pará - foi no ano de 1989, quando a lambada se tornou mais conhecida pelo nordeste, se tornando muito popular na Bahia, especificamente em Porto Seguro.

E por falar em Porto Seguro...

Em 2019, a Câmara de vereadores de Porto Seguro, aprovou o projeto para eleger a Lambada como patrimônio cultural, imaterial de Porto Seguro.

Precursores

O grupo Kaoma foi um dos pioneiros no ritmo lambada, famoso pela música “Chorando se foi”, que se tornou um clássico. Além do grupo baiano, outro nome famoso por suas músicas é Beto Barbosa, conhecido como o Rei da Lambada. A mistura de ritmos lançou o nome de artistas como Márcia Ferreira, Manezinho do Sax e Sidney Magal.

Siga o Social1 no Instagram, Facebook, Twitter e TikTok.

Comentários

Últimas notícias