De olho no Senado e em 2022, FBC tenta lançar pontes com Gilson Machado Neto

jamildo
jamildo
Publicado em 06/01/2021 às 12:10
Leitura:

Nas eleições passadas, Gilsom Machado Neto, então presidente da Embratur e hoje ministro do Turismo, convenceu o presidente Bolsonaro a apoiar, de última hora, a delegada Patrícia Domingos, candidata do Podemos, de modo a minar as chances de Mendonça Filho, do Democratas, ir ao segundo turno. FBC apoiava Mendonça Filho, que não logrou êxito. Candidato ao Senado e com projetos políticos para 2022 no Estado, o senador faz gestos públicos em direção ao núcleo duro do Bolsonarismo no Estado.

Pois bem.

O senador e líder do Governo Bolsonaro, Fernando Bezerra Coelho (MDB) concedeu entrevista ao programa Cidade em Foco e ao Blog do Alberes Xavier e falou dos trabalhos que vem sendo realizados no Senado Federal.

“Estamos com ritmo intenso pois estamos ultrapassando uma das maiores crises que é o Novo Coronavírus e nossa expectativa é que possamos atingir patamares de crescimento que beiram os 3% e a retomada do emprego e consequentemente o fortalecimento da renda”, falou.

O senador elogiou a presença do pernambucano Gilson Machado como novo ministro do Turismo.

“Temos que celebrar a presença de nosso estado no Governo Federal e Gilson Machado foi reconhecido pelo seu trabalho a frente da Embratur. Ele será importante na retomada do setor turístico que sofreu com os impactos causados pela pandemia”, afirmou o senador ao blog agrestino.

FBC falou sobre sua disposição para disputar a presidência do Senado. “Temos 13 senadores e é natural que exista a expectativa que possamos indicar o nome para votação, portanto as discussões estão apenas iniciando e meu nome está para ser avaliado”, pontuou o parlamentar.

Últimas notícias