João Campos sanciona auxílio emergencial do Recife; veja valores das parcelas e se sua família poderá receber

José Matheus Santos
Cadastrado por
José Matheus Santos
Publicado em 13/04/2021 às 10:42
Foto: Divulgação/Prefeitura do Recife
Foto: Divulgação/Prefeitura do Recife
Leitura:

O prefeito do Recife, João Campos (PSB), sancionou, nesta terça-feira (13), o auxílio municipal emergencial para atender a famílias em situação de pobreza na pandemia de covid-19.

Para ser beneficiada, a família precisa ser moradora do município do Recife ou com inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais vinculado à cidade e ter sido inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais até janeiro de 2021.

LEIA TAMBÉM:

> Após fortes chuvas, Prefeitura contrata por R$ 2 milhões manutenção preventiva para canais do Recife

> Grupo carioca já seleciona professores para nova escola no Recife. Veja como

Além disso, a família precisa ter renda per capita de até R$ 178,00 informada no Cadastro Único dentro dos limites estabelecidos ou ser beneficiária do Programa Bolsa Família, com crianças de 0 a 3 anos em sua composição familiar.

O valor do Auxilio Municipal Emergencial previsto será pago da seguinte forma:

  • R$ 150,00 para as famílias com renda per capita de até R$ 178,00, inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais, aptas ao Programa Bolsa Família, mas ainda não contempladas pelo Programa;


  • R$ 50,00 para as famílias que são beneficiárias do Programa Bolsa Família, que possuam em sua composição familiar crianças de 0 a 3 anos.

A reportagem procurou a Prefeitura do Recife para saber se há previsão de início dos pagamentos, mas até o momento não houve resposta.

LEIA TAMBÉM:

> CPI da Covid-19 na Assembleia Legislativa ainda não está no radar da oposição a Paulo Câmara

> Olinda abre seleção com quase 200 vagas temporárias e salários de até R$ 2.500; saiba como participar

O valor do Auxílio Municipal Emergencial será pago por família e será concedido mensalmente, pelo período de dois meses. O período poderá ser estendido por Decreto do Poder Executivo, por igual período, a depender da situação da pandemia.

O pagamento do Auxílio Municipal Emergencial será realizado pelos agentes financeiros operadores, definidos pela Prefeitura do Recife, diretamente às famílias beneficiadas. A Secretaria de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos, Juventude e Políticas Sobre Drogas coordenará a execução.

Ainda de acordo com a Prefeitura, será de acesso público a relação dos beneficiários do Auxílio Municipal Emergencial, devendo ser divulgada em meios eletrônicos.

As despesas com a execução do auxílio correrão por conta de crédito extraordinário.

Últimas notícias