Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

SERVIDORES PÚBLICOS

Prefeitura do Recife determina volta ao trabalho presencial para profissionais da educação vacinados com duas doses contra a covid-19

Assinada pelo secretário de Educação do Recife, Fred Amâncio, a portaria foi publicada no Diário Oficial do Município deste sábado (24) e está em vigor.

José Matheus Santos
José Matheus Santos
Publicado em 24/07/2021 às 11:59
Notícia
educação/PCR/divulgação
Na terça-feira (27) retornarão às salas de aula os estudantes do 4º ao 7º do Ensino Fundamental Anos Iniciais e Finais. E na última etapa, no dia 03 de agosto, a retomada contemplará os estudantes do 1º ao 3º do Ensino Fundamental Anos Iniciais, Educação Infantil (Creche e Pré-escola) e as turmas de Educação de Jovens e Adultos (EJA). - FOTO: educação/PCR/divulgação
Leitura:

A Prefeitura do Recife determinou o retorno ao trabalho presencial dos trabalhadores lotados nos órgãos e entidades que prestem serviço de educação no município que já foram imunizados com as duas doses da vacina contra a covid-19 e que estiverem afastados por pertencerem ao grupo de risco da doença.

A medida vale inclusive para pessoas com comorbidades.

Assinada pelo secretário de Educação do Recife, Fred Amâncio, a portaria foi publicada no Diário Oficial do Município deste sábado (24) e está em vigor. Na quinta-feira (22), as escolas da rede municipal da cidade iniciaram a retomada das aulas presenciais.

O retorno deve acontecer após 21 dias do recebimento da segunda dose. Os servidores e trabalhadores que, quando da convocação, não cumprirem o determinado estarão submetidos às medidas administrativas.

Esses trabalhadores deverão entregar à chefia a cópia do cartão de imunização, comprovando o esquema vacinal completo contra a covid-19.

Entre as justificativas da Prefeitura para a retomada, o governo municipal alegou "a importância e necessidade de cuidar do servidor/colaborador e recompor com agilidade a força de trabalho para a manutenção da prestação dos serviços de Educação" e "o avanço do processo da vacinação contra o vírus no Recife, em especial para os trabalhadores da educação".

No Diário Oficial
Reprodução - No Diário Oficial

O trabalhador que se recusar a ser imunizado contra a covid-19 deverá assinar um "termo de responsabilidade", o qual será disponibilizado pela Unidade de lotação.

No Diário Oficial
Reprodução - FOTO:No Diário Oficial

Comentários

Últimas notícias