Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

CIDADE

Incentivos da prefeitura devem atrair empreendimentos e moradores para o centro do Recife

Augusto Tenório
Augusto Tenório
Publicado em 18/11/2021 às 18:56
Notícia
Foto: Acervo JC Imagem
Os profissionais estarão reunidos no Recife, em seminário internacional, de segunda (2) a sexta (6). O foco são dos bairros de Santo Antônio, São José, Cabanga e Ilha Joana Bezerra - FOTO: Foto: Acervo JC Imagem
Leitura:

O lançamento do projeto Recentro, comandado por Ana Paula Vilaça, nesta quinta (18) pela Prefeitura do Recife chamou a atenção do empresariado. Confirmados os incentivos fiscais, espera-se uma nova leva de investimentos, responsáveis por transformar o centro da cidade num laboratório de inovação e atrair moradores para os bairros que integram essa parte da capital pernambucana.

O empresário Danilo Canuto, nome à frente da Revpar Incorporações, é um dos que estavam na expectativa pelo anúncio do pacote de incentivos. Junto com João Domingos Azevedo, da MUV Empreendimentos, ele vai trazer o Motto by Hilton ao Recife Antigo. Com o Recentro, espera-se turbinar as vendas do empreendimento que está em fase de pré-lançamento.

A área de hotelaria será beneficiada com redução de 5% para 2%, por até dez anos, da alíquota do ISS (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza), nos bairros Santo Antônio, São José e Bairro do Recife. O benefício também alcança atividades de cultura, lazer, serviços comunitários, educacionais, além de negócios voltados à beleza e à higiene pessoal, pelo mesmo período, no Bairro do Recife.

Moradia no Centro do Recife

Dentre os incentivos anunciados, está a redução de até 100% do IPTU para quem revitalizar imóveis nas Zonas Especiais de Proteção Histórica (ZEPH) dos bairros de São José, Santo Antônio e Bairro do Recife, seja ou parcial ou totalmente. Nessas obras, também vai ter uma redução de ISS de 5% para 2%.

Além disso, quando a obra for destinada a moradia, o prazo pode chegar a 10 anos quando for para habitação de interesse social. A Prefeitura também vai oferecer até 100% de isenção do Imposto sobre a Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) tanto para a primeira aquisição do imóvel, pela construtora, quanto para o primeiro proprietário para moradia, como contou a secretária de Finanças do Recife, Maíra Fisher.

Comentários

Últimas notícias