Eleições 2022

Marília Arraes participou de jantar com Lula e Alckmin em São Paulo

No Recife, Humberto Costa era aclamado candidato ao governo do Estado

JAMILDO MELO
JAMILDO MELO
Publicado em 20/12/2021 às 9:19
Marília Arraes/gabinete
A deputada do PT, em São Paulo - FOTO: Marília Arraes/gabinete
Leitura:

A deputada federal Marília Arraes foi a única parlamentar da bancada de Pernambuco que teve lugar garantido no jantar com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (sem partido).

O evento, realizado pelo Grupo Prerrogativas, no restaurante Figueira Rubayat, em São Paulo, foi o primeiro a reunir o ex-tucano e o líder petista após os rumores sobre uma chapa formada pela dupla para a disputa presidencial de 2022 ganharem fôlego.

Marília mesmo na fase final da gestação fez questão de prestigiar o encontro. O grupo Prerrogativas é formado por advogados, juristas e artistas, que se oposeram aos métodos da Lava Jato de Curitiba.

Veja a resolução aprovada pelo diretórios estadual do Partido dos Trabalhadores em reunião neste domingo.

Aos 19 (dezenove) dias do mês de dezembro de 2021, através de vídeo conferência, o Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores deliberou as seguintes resoluções:

1- Dar continuidade a construção da formação das chapas proporcionais deputados federais e deputados estaduais para as eleições de 2022, realizando: reuniões, plenárias, encontros, diálogo com os diretórios municipais e discutindo nas instâncias as possibilidades da entrada de novos filiados, compartilhando sempre com a coordenação do GTA/PE;

2- Ratificar o encaminhamento do Diretório Nacional que orienta os Diretórios Estaduais a não aprovar resoluções acerca da estratégia eleitoral, definição de candidaturas ou coligações, até o Diretório Nacional estabelecer um calendário e metodologia para escolha de candidaturas para as eleições de 2022;

3- O Partido dos Trabalhadores em Pernambuco está preparado para qualquer decisão do Diretório Nacional, referente a chapa majoritária; em tempo, defendemos um palanque único para o presidente LULA em Pernambuco, disponibilizaremos nomes para chapa majoritária de acordo com a estratégia nacional.

4- Considerando o debate nacional pela construção de uma frente ampla e que se reproduza também nos estados, estamos disponibilizando o nome do Senador Humberto Costa para ser apreciado pela frente popular de Pernambuco como candidato a Governador.

5- O Diretório Estadual de Pernambuco entende que o Senador Humberto Costa reúne, experiência, reconhecimento, vivência e capacidade para aglutinar uma frente vencedora de partidos e de construir uma proposta de governo capaz de responder aos enseios e expectativas dos pernambucanos e somar forças para a vitória do projeto nacional, que é eleger Lula Presidente.

6- Iniciar um processo de debates envolvendo todas as secretarias e setoriais, NEP Pernambuco, movimentos sociais e sindicais e à sociedade para construção de uma plataforma de governo, sintonizado aos desafios de Pernambuco para governo do estado e parlamento.

7- Constituição de GTE para discutir e avaliar com os demais partidos ações, programas e estratégias para para eleições de 2022.

Comentários

Últimas notícias