Informações e dicas para cuidados do seu bicho de estimação, seja ele um gato, cachorro, pássaro ou peixe de aquário, além de dicas de alimentação, adestramento, saúde e outros serviços
Meu Pet

Fique por dentro das novidades do mundo pet e confira as melhores dicas para cuidado de gatos, cachorros e outros bichinhos de estimação

ALIMENTAÇÃO

Saiba por que pandas são tão gordinhos mesmo comendo só bambu

Cientistas apontam possíveis causas para esses animais serem gordos tendo como dieta apenas o bambu

Paloma Xavier
Cadastrado por
Paloma Xavier
Publicado em 16/02/2022 às 22:41 | Atualizado em 16/02/2022 às 22:49
JIM WATSON / AFP
Panda se alimentando - FOTO: JIM WATSON / AFP
Leitura:

Com pelagem preta e branca e muitas gordurinhas, o panda é considerado pelas pessoas um dos animais mais fofos do mundo. Ao mesmo tempo, muita gente fica intrigada com o fato desses animais serem gordos tendo como dieta apenas o bambu.

Essa questão deixou até cientistas curiosos. Um estudo publicado em 18 de janeiro na revista científica Cell Report mostra que a resposta pode estar nas bactérias intestinais do urso.

De acordo com a pesquisa, quando a estação de comer brotos de bambu chegou (na primavera e verão), o peso dos ursos aumentou. Além disso, os cientistas identificaram no cocô dos pandas níveis mais altos de Clostridium butyricum, uma bactéria comum também encontrada em humanos , durante esses meses mais quentes


Os pesquisadores, principalmente da Academia Chinesa de Ciências, concluíram que uma maior presença dessa bactéria poderia ajudar os pandas a armazenar gordura e ganhar peso. Isso ajuda a mantê-los nutridos durante os meses de inverno, quando a comida é escassa.

Ou seja, a dieta vegana de bambu puro, ao que parece, não é apenas porque eles são comedores exigentes.

“Nossas descobertas ressaltam o importante papel desempenhado pelo microbioma intestinal sazonal na manutenção da saúde fisiológica e da aptidão do hospedeiro”, explicam os pesquisadores.

Os cientistas coletaram pela primeira vez o cocô de oito pandas selvagens nas montanhas Qingling, no sul da China, durante a estação de comer folhas (outono e inverno) e a estação de comer brotos (primavera e verão).

Nas amostras, eles então encontraram maiores quantidades da bactéria quando o panda comeu brotos de bambu frescos.

Para determinar se as bactérias ajudam os pandas a manter o peso, os cientistas realizaram um transplante fecal e colocaram o cocô do panda em ratos de laboratório.

Por três semanas, eles alimentaram um grupo de camundongos apenas com brotos de bambu e outro, apenas com folhas de bambu. Depois, verificaram se o grupo que comeu brotos de bambu pesava mais.

O resultado certificou que os animais alimentados com brotos de bambu pesavam mais.

Muitos animais experimentam uma mudança nas bactérias intestinais quando as estações mudam, à medida que diferentes tipos de alimentos se tornam disponíveis.

Um estudo de 2019 identificou uma mudança de estação nas bactérias intestinais de morcegos, que são animais em hibernação. Os pesquisadores também encontraram uma variedade maior de bactérias no final do verão, quando os morcegos têm uma dieta mais diversificada.

Em outra pesquisa de grandes animais no Quênia, foi observada uma mudança sazonal semelhante nas bactérias intestinais dos animais.

Alguns estudos também mostraram que micróbios intestinais em animais ajudam a protegê-los de ambientes adversos ou, no caso dos pandas, mantê-los gordos.

Comentários

Últimas notícias