Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Presidência

Saiba quem foram e o que pensam os três conselheiros que votaram contra as eleições diretas no Sport

116 conselheiros votaram à favor de eleições diretas e apenas três quiseram indiretas.

Haim Ferreira
Haim Ferreira
Publicado em 23/06/2021 às 12:48
Notícia
BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Com a renúncia do Presidente do Sport, Mílton Bivar, torcedores fizeram protesto, na sede da Ilha do Retiro, por uma nova eleição para a presidência do clube. - FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

Na noite da última terça-feira (22), em reunião remota, o Conselho Deliberativo do Sport definiu que as eleições para eleger o próximo presidente do Leão será feita de maneira direta. Ou seja, os sócios é quem votarão no novo mandatário.

Ao todo 116 conselheiros votaram, sendo 113 à favor e apenas três optaram por eleições indiretas, quando os membros do conselho escolheriam entre si o gestor. Estes conselheiros foram: Rinaldo Albuquerque, Carlos Carvalho e José Jorge.

LEIA TAMBÉM:

Conselho Deliberativo do Sport confirma eleições diretas em julho

Após consenso entre as lideranças, eleição do Sport deve acontecer em julho

Procurados pela reportagem do Jornal do Commercio, eles justificaram os motivos dos seus votos.

"Pra mim a eleição por voto indireto seria mais tranquila e mais de ser feita. Não precisaria da montagem física geral dentro clube como vai ter que ser feita. Vai se gastar dinheiro para isso e acredito que o clube tem prioridades de pagamentos mais importantes. Pra gastar assim, é complicado. É uma opinião minha e se pudesse, votaria de novo em indiretas", disse Rinaldo Albuquerque.

Carlos Carvalho foi mais comedido nas palavras. "Esse assunto foi tratado dentro do conselho na reunião e gostaria que ficasse lá mesmo. Não queria abordar mais nada além disso. Tenho minhas razoes e votei consciente".

Nossa equipe não conseguiu contato com José Jorge.

Com o formato definido, ficou decidido que as novas eleições acontecerão no dia 15 de julho. Até agora, três nomes aparecem com força para a disputa, mas sem bate-chapa. Segundo apuração do Blog do Torcedor, uma chapa com Gustavo Dubeux na presidência, Delmiro Gouvêia como vice e Nelo Campos na direção de futebol está ganhando força.

Em entrevista à Rádio Jornal, o atual presidente em exercício Pedro Lacerda disse que acredita que, no entanto, haverá bate-chapa.

O interino reforçou ainda que o novo pleito será para eleger novos presidente e vice-presidente executivo apenas, uma vez que foram os únicos cargos desocupados. O conselho, assim como sua presidência e vice-presidência permanecerão.

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SPORT

Comentários

Últimas notícias