Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Crise

Técnico do Sport comenta suposto ato de indisciplina de Patric: "Princípios e valores são inegociáveis "

Leão empatou por 0x0 com o Cuiabá, neste domingo, na Ilha do Retiro

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 28/06/2021 às 0:04
Notícia
BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
CENÁRIO Técnico Umberto Louzer tenta blindar o vestiário para reverter a situação do clube no Brasileirão - FOTO: BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
Leitura:

Após o empate com o Cuiabá, neste domingo (27), na Ilha do Retiro, pelo Brasileirão, o técnico Umberto Louzer preferiu não entrar em detalhes sobre o afastamento do lateral-direito Patric por causa de um suposto ato de indisciplina. Ele frisou que o Leão já se posicionou sobre o caso por meio de nota oficial e frisou que as medidas necessárias foram tomadas internamente. Além disso, ressaltou que irá tomar as decisões que enxergar como corretas, enquanto estiver no no comando do time rubro-negro.

LEIA MAIS

"A diretoria que tem que falar disso", diz Thiago Neves sobre ato de indisciplina de Patric no Sport

Sport sofre, empata com Cuiabá no Brasileirão e aumenta crise na temporada

Veja as escalações de Sport x Cuiabá e a transmissão da Rádio Jornal

Após ato de indisciplina, Patric fica fora do jogo do Sport contra o Cuiabá pelo Brasileirão

"Já foi divulgada uma nota pelo clube. Esse assunto, assim como foi o caso de Mikael, fica resolvido internamente", afirmou o comandante. "Quanto aos episódios, pontuais. Princípios e valores são inegociáveis. Enquanto eu estiver no comando, em respeito a todos que fazem o Sport e ao torcedor, que é o maior patrimônio, tenho que tomar as decisões", acrescentou o treinador, sem contar qual teria sido o ato de indisciplina de Patric.

Louzer ainda destacou que os acontecimentos de fora do campo não podem influenciar nas ações do elenco na Série A. Questionado se o conturbado ambiente político e os salários atrasados (quase três meses) estão interferindo no ambiente da equipe, o técnico se esquivou e focou no trabalho dentro das quatro linhas.

"Procuramos trabalhar, claro que alguns fatores estão atrapalhado, mas o cenário é esse e temos que trabalhar. Buscar uma solução em campo e ajustar. É passar confiança e blindar o vestiário para voltar a vencer e buscar reverter a situação na competição", comentou Umberto Louzer.

Em um curto espaço de tempo, o Sport conviveu com dois casos de indisciplina. Antes de Patric, o atacante Mikael foi afastado da relação dos jogos após não resolver de forma amigável a falta em um treino antes do confronto contra o Grêmio. O caso do lateral-direito chamou mais atenção por ser um dos líderes do elenco, ex-capitão e exemplo de compromisso e seriedade com o dia a dia do futebol.

BOBBY FABISAK/JC IMAGEM
PRESSÃO Umberto Louzer começa a ter o cargo ameaçado nos bastidores após uma vitória em nove jogos - FOTO:BOBBY FABISAK/JC IMAGEM

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SPORT

Comentários

Últimas notícias