Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

APOIO

Givanildo sai em defesa do presidente do Santa Cruz: "Um dos caras mais honestos que eu já vi"

O ex-diretor técnico do Santa Cruz isentou o presidente Joaquim Bezerra de erros na temporada 2021

Túlio Feitosa
Túlio Feitosa
Publicado em 07/10/2021 às 17:57
Notícia
ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Givanildo Oliveira, ex-diretor de futebol do Santa Cruz, no Jogo entre o Santa Cruz e o Altos. Partida valida pelo Brasileiro da Serie C no Estádio do Arruda, em Recife (PE), neste sábado, 11 de setembro de 2021. - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM
Leitura:

Ex-diretor técnico do Santa Cruz, Givanildo Oliveira saiu em defesa do presidente Joaquim Bezerra, que vem sofrendo diversas críticas da torcida Coral pela temporada desastrosa em 2021, com fracassos no Estadual, Copa do Nordeste e rebaixamento para a Série D do Campeonato Brasileiro.

"É um dos caras mais honesto que eu já vi no futebol. Eu to dizendo isso porque eu disse para ele, eu disse para Mirinda, disse para Romerito, que era um cara... eu não posso usar a palavra 'inocente', mas é um cara tão Santa Cruz e o outro lado dele é tão honesto que eu disse isso a ele, inclusive, em reunião", disse o ex-técnico em entrevista ao Fórum Esportivo, da Rádio Jornal (ouça abaixo a entrevista na íntegra).

"O erro não foi dele, foi dos jogadores, foi de programação anterior, que já vinha há muito tempo, isso, e aí aconteceu essa tristeza que a gente está presenciando no Santa Cruz", completou Givanildo, que isentou o dirigente Tricolor do mau desempenho do elenco no Campeonato Brasileiro.

> Givanildo Oliveira afirma que ex-presidente Constantino Júnior torce contra o Santa Cruz: "Conheço a peça"

Givanildo Oliveira foi convidado para atuar como diretor técnico durante a disputa da Série C deste ano. A chegada dele visava ajudar o Santa Cruz a escapar do rebaiamento para a Quarta Divisão, mas acabou não sendo efetivo.

O ex-jogador e ex-técnico acabou sendo desligado da função após o término do Brasileirão, junto do executivo Fabiano Melo e do técnico Roberto Fernandes.

Siga o Blog do Torcedor no Facebook, no Instagram e no Twitter

Comentários

Últimas notícias