Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

DENÚNCIA

Flamengo é denunciado por prática homofóbica mais uma vez; entenda

Atitude do Flamengo ao inscrever jogadores na Copa São Paulo foi vista como homofóbica

Carolina Fonsêca
Carolina Fonsêca
Publicado em 11/01/2022 às 20:48
FLAMENGO/DIVULGAÇÃO
Em 2020, o Flamengo havia sido denunciado ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva por canto homofóbico praticado pelos torcedores. - FOTO: FLAMENGO/DIVULGAÇÃO
Leitura:

O Flamengo foi denunciado, mais uma vez, por prática homofóbica. O motivo da denúncia foi a não utilização do número 24 na inscrição dos jogadores na Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Desta vez a denúncia foi apresentada à Procuradoria de Justiça Desportiva do Estado de São Paulo, pelo coletivo LGBTQIA+ Grupo Arco-Íris.

>> STJD denuncia Flamengo por cantos homofóbicos da torcida em jogo da Copa do Brasil; confira

>> Árbitro relata gritos homofóbicos da torcida do Náutico no jogo contra o Sampaio Corrêa em adendo à sumula; veja

No ano passado, o rubro-negro carioca havia sido denunciado ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva por canto homofóbico praticado pelos torcedores na partida contra o Grêmio, no Maracanã, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. A punição definida foi de aplicar multa de R$ 50 mil ao clube carioca.

>> Líder disparado: Flamengo atropela em ranking de redes sociais; veja onde está o seu time

O coletivo acredita que a atitude do clube contribui para alimentar as práticas que discriminam a população LGBTQIA+.

O número 24 representa, no jogo do bicho, o veado - animal que é associado de forma pejorativa à comunidade LGBTQIA+. Ao não utilizar o número, o Flamengo reforçaria a tradição do preconceito.

Comentários

Últimas notícias