Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

Leão

Sport precisaria mesmo de um Vágner Love?

Centroavante foi oferecido ao clube rubro-negro, mas não houve avanço nas conversas

Thiago Wagner
Thiago Wagner
Publicado em 18/01/2022 às 10:31
Foto: AFP.
Vágner Love fechou com equipe da Dinamarca - FOTO: Foto: AFP.
Leitura:

Com a saída de Mikael sendo constantemente especulada, é natural que o Sport vá ao mercado procurar por centroavantes. E mesmo que o prata da casa não saia, ainda é importante que o Leão traga um jogador para a posição. Por isso, a notícia de que o ex-seleção brasileira Vágner Love foi oferecido ao Rubro-negro não chama a atenção. É algo normal do mercado em janeiro, quando os clubes procuram e recebem ofertas de jogadores a todo tempo.

Mas será mesmo que Vágner Love seria o ideal para o Sport? 

>> Diego Souza fala sobre aposentadoria e diz que sempre preferiu o Grêmio ao Sport

Bem, em primeiro lugar é importante ressaltar a história vitoriosa de Vágner. Jogou por grandes clubes como Palmeiras, Flamengo e Corinthians, além da seleção brasileira, onde foi campeão da Copa América em duas oportunidades (2004 e 2007). No entanto, ele realmente seria uma boa para equipe com dificuldades financeiras e que vai disputar a Série B?

>> Newcastle estreia reforços e brasileiros ex-Sport e Fluminense são destaque

Vágner hoje tem 37 anos e é muito provável que não seja mais aquele jogador de explosão física, ainda necessária na Segundona. E também não parece ser natural que um nome com a reputação dele venha para um time de Série B para ser banco, onde poderia ganhar mais fôlego.

>> Veja imagens da "nova Ilha do Retiro" e saiba quando o Sport voltará a jogar lá

Isso sem falar no salário. Com causas judiciais batendo a porta a cada dia, parece ser estranho contratar um jogador com o porte de Vágner Love. Mesmo que ele abra mão de muito, ainda parece ser um jogador fora da realidade financeira do Sport, que precisa de pé no chão e não de sonhos como Love ou até mesmo Diego Souza.

O momento do Sport é buscar atletas que se encaixem na realidade do clube e na filosofia do técnico Gustavo Florentín. A época dos medalhões deixou de ser o momento do Leão, e faz é tempo.

Veja também: Sport se prepara para a Copa do Nordeste e para o Pernambucano

VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O SPORT

Comentários

Últimas notícias