Blog do Torcedor - Tudo de Brasileirão, futebol internacional, Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes
Torcedor

Notícias do Brasileirão; de Náutico, Santa Cruz e Sport; e futebol internacional. Fórmula 1, NBA, NFL e todos os esportes com análise, interatividade e opinião

CRÍTICAS

Em baixa no Manchester United, Cristiano Ronaldo volta a ser criticado por ex-Real Madrid: 'Jogador comum'

O ex-atacante do Real Madrid tem se mostrado um crítico severo da carreira de Cristiano Ronaldo

Eduardo Falcão
Eduardo Falcão
Publicado em 15/03/2022 às 14:06 | Atualizado em 15/03/2022 às 16:32
OLI SCARFF / AFP
Cristiano Ronaldo perdeu um dos filhos durante o trabalho de parto de Georgina. - FOTO: OLI SCARFF / AFP
Leitura:

O hat-trick marcado por Cristiano Ronaldo diante do Tottenham, no último sábado (12), pela Premier League, pode ter acalmado os ânimos do português para o restante da temporada. Mas um ex-atacante do Real Madrid, tem sido um questionador nato da atual temporada e da carreira de CR7.

A lenda italiana Antonio Cassano, parece ser um crítico fiel do futebol de Cristiano Ronaldo. Em novembro de 2021, o ex-craque de Milan e Real Madrid disse que CR7 era o melhor jogador da história depois de Napoleão Bonaparte, e afirmou que o astro português não estava nem entre os cinco maiores de todos os tempos.

Mais uma vez, Cassano voltou a comentar sobre Cristiano Ronaldo. Em entrevista à "Bobo TV", o atacante italiano parabenizou CR7 por ter chegado a marca de 807 gols - e ter se tornado o jogador com mais gols oficiais na história do futebol, mas Cassano voltou a emitir uma opinião não tão boa sobre o atleta português.

>> Manchester United ganha reforço de última hora para decisão contra o Atlético de Madrid; confira

"Tiro o chapéu pelos 807 golos que marcou. Mas o Cristiano Ronaldo não está entre os melhores jogadores do mundo. Goleador? Sim. É um avançado forte? Também. Ganhou títulos? Ganhou. Cristiano Ronaldo é como Inzaghi e Trezeguet. Foram jogadores fabulosos, mas sejamos honestos: jogar futebol é outra coisa", disse Cassano.

O atleta italiano fez sucesso em clubes como Milan e Real Madrid, mas nunca se consolidou como um fazedor de gols. Cassano realizou 553 jogos como profissional e balançou as redes 151 vezes. Ainda na entrevista, o ex-avançado reiterou que gols não definem um jogador.

"Os gols não definem um jogador. O Iniesta não marcou 60 gols, o Zidane não chegou aos 100…. Mas esses sim são gênios que fizeram história no futebol", completou Cassano.

 

Comentários

Últimas notícias