Fórmula 1
Fórmula 1
Fórmula 1

GRID DE LARGADA FÓRMULA 1: Verstappen e Hamilton vão mal e Leclerc fica com a Pole; confira grid completo do GP de Mônaco deste domingo (29)

Monegasco deu show em casa e largará na ponta após várias decepções

Victor Peixoto
Cadastrado por
Victor Peixoto
Publicado em 28/05/2022 às 12:58
AFP
Verstappen é o atual campeão do mundo - FOTO: AFP
Leitura:

Definido o grid de largada do GP de Mônaco de Fórmula 1, que acontece neste domingo (29)! Aparentemente dando fim à "maldição" de não ir bem nas corridas de casa, o monegasco Charles Leclerc, da Ferrari, foi o mais rápido e será o Pole Position.

Ele cravou impressionante 1:11.376, -0.225s em relação ao segundo colocado, seu companheiro de equipe, Carlos Sainz. Quem, desta vez, embora não possa dizer que teve azar, não teve também sorte, foi o atual campeão mundial e líder do campeonato Max Verstappen, da Red Bull.

O holandês não conseguiu andar bem durante todo o fim de semana e largará em 4° lugar e, pela segunda vez na temporada, atrás de seu companheiro de equipe Sergio Pérez, que chegou a ser o mais rápido no Treino Livre 3, mas que teve "só" o 3° melhor tempo no Q3.

Quem voltou a decepcionar foi Lewis Hamilton, da Mercedes. Ele fez apenas 1:12.560 e largará em , atrás, mais uma vez, de seu companheiro George Russell, que será o , o que indica que as melhorias trazidas para o carro não estão fazendo muito efeito em Mônaco.

Grid de largada completo do GP de Mônaco de Fórmula 1 2022

1) Charles Leclerc (Ferrari)
2) Carlos Sainz Jr. (Ferrari)
3) Sergio Pérez (Red Bull)
4) Max Verstappen (Red Bull)
5) Lando Norris (McLaren)
6) George Russell (Mercedes)
7) Fernando Alonso (Alpine)
8) Lewis Hamilton (Mercedes)
9) Sebastian Vettel (Aston Martin)
10) Esteban Ocon (Alpine)
11) Yuki Tsunoda (AlphaTauri)
12) Valtteri Bottas (Alfa Romeo)
13) Kevin Magnussen (Haas)
14) Daniel Ricciardo (McLaren)
15) Mick Schumacher (Haas)
16) Alexander Albon (Williams)
17) Pierre Gasly (AlphaTauri)
18) Lance Stroll (Aston Martin)
19) Nicholas Latifi (Williams)
20) Zhou Guanyu (Alfa Romeo)

Bandeira vermelha no fim "garantiu" Leclerc

O tempo de Leclerc era tão bom que o mesmo que a Ferrari não queria que ele fizesse uma nova tentativa. Mas, após uma discussão, que pode ser ouvida no rádio, o monegasco foi para a pista e, fazia o melhor primeiro setor do fim de semana quando foi acionada uma bandeira vermelha.

O motivo da bandeira que acabou encerrando o treino a 30 segundos do fim, foi uma batida de Sergio Pérez na saída da curva que leva para o túnel.

O mexicano colidiu com o muro e teve sua asa e pneus traseiros destruídos e ainda viu Carlos Sainz, que recebeu a bandeira amarela muito tardiamente, bater na sua lateral. A Ferrari do espanhol teve danos na roda traseira, mas que não preocupam, aparentemente.

Este incidente impediu que tanto eles, quanto Verstappen, pudessem tirar a Pole de Leclerc.

Norris, Vettel e Alpine são surpresas

Pela primeira vez na temporada, o tetracampeão Sebastian Vettel consegue chegar ao Q3 e largará em  com a Aston Martin, que não tinha mostrado grandes melhoras com suas atualizações no GP da Espanha, mas que as mostrou agora, embora Lance Stroll tenha sido apenas o 18° saindo já no Q1

O que talvez explique isso seja a grande experiência de Vettel, já que Fernando Alonso também foi muito bem nesta classificação e largará em  com seu companheiro de time, Esteban Ocon, andando próximo.

Quem é jovem e deu show foi o britânico de 22 anos Lando Norris, da McLaren. Tendo oscilado bastante, tal como sua equipe, na temporada, Norris será o  no grid de largada e ficou à frente das Mercedes, perdendo a disputa apenas para as líderes FerrariRed Bull.

Em contrapartida, seu companheiro de equipe, Daniel Ricciardo, segue decepcionando e largará apenas na 14ª posição e tem seu futuro na Fórmula 1 cada vez mais incerto.

Comentários

Últimas notícias