paraíba

Adolescente de 13 anos é suspeito de matar mãe e irmão mais novo após ser proibido de jogar online

Rapaz teria cometido o crime após discussão sobre notas baixas

JC
JC
Publicado em 20/03/2022 às 17:51
Reprodução/Facebook
Caso aconteceu em Patos, na Paraíba - FOTO: Reprodução/Facebook
Leitura:

Um adolescente de 13 anos é suspeito de matar na própria mãe e o irmão de 7 anos a tiros nesse sábado (19) em Patos, interior da Paraíba. O pai do rapaz, que é policial militar reformado, também foi baleado, e está internado no Hospital Regional da cidade. A arma utilizada no crime seria do militar.

O crime aconteceu dentro da casa em que a família morava. De acordo com a Polícia Civil, o adolescente teria aproveitado para pegar a arma - dentro de um armário fechado - quando o pai saiu para comprar um remédio.

O primeiro alvo foi a mãe, que estava deitada no quarto. Quando o pai voltou à residência, o rapaz também teria atirado contra ele. Neste momento, o irmão mais novo abraçou o pai e foi morto. O adolescente ainda teria chamado o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e tentado fazer parecer que se tratava de um assalto.

Notas baixas e jogo online

Os homicídios e a tentativa teriam sido motivados por uma discussão sobre as notas baixas que o estudante estaria tirando na escola. Ele teria dito que se sentia pressionado pelas cobranças para estudar e fazer as tarefas domésticas, e queria continuar a jogar um game online. O pai teria confiscado o celular dele.

O delegado Renato Leite informou ao Globo que o caso foi registrado como "procedimento especial envolvendo menor de idade em um contexto de violência doméstica". A arma foi apreendida para auxílio nas investigações.

Já o adolescente aguarda decisão judicial e deve ser encaminhado ao Centro de Internação de Adolescentes da Paraíba, no município de Sousa, no sertão.

Comentários

Últimas notícias