Zoológico

Museu Vivo de Répteis chega a Camaragibe, no Grande Recife

Atração irá funcionar desta quarta-feira (8) até o dia 2 de fevereiro

Debora Bruna Oliveira
Debora Bruna Oliveira
Publicado em 07/01/2020 às 17:10
Notícia
Foto: Rodrigo Regueira/Reprodução Facebook Museu Vivo Répteis da Caatinga
Atração irá funcionar desta quarta-feira (8) até o dia 2 de fevereiro - FOTO: Foto: Rodrigo Regueira/Reprodução Facebook Museu Vivo Répteis da Caatinga
Leitura:

Com mais de 350 espécies dos mais variados biomas, lagartos, serpentes e quelônios, o primeiro zoológico particular de Répteis do Nordeste estará em exposição desta quarta-feira (8) até o dia 2 de fevereiro no Camará Shopping, localizado em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife (RMR). A atração irá funcionar no piso L1 das 14h às 22h.

Durante as visitações, monitores irão explicar ao público sobre cada espécime exposto, desde a biologia de cada animal e sua alimentação até aos cuidados que devem ser tomados quando forem encontrados fora de ambientes seguros. Orientações também serão dadas sobre quais órgãos devem ser acionados e como proceder em caso de picadas.

Uma das estrelas da exposição é a píton-reticulada, que é considerada uma das maiores serpentes do mundo. O público também poderá interagir com os animais, ver a troca de peles e fazer fotografias.

Com faixa etária livre, os ingressos custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia - nesse caso, a carteira de estudante deve ser apresentada), sendo pagantes crianças a partir de três anos. Crianças menores que estejam acompanhadas por adultos pagantes, não pagam ingresso. 

Museu Vivo Répteis da Caatinga

De acordo com o Camará Shopping, o projeto tem como objetivo arrecadar fundos para manter o funcionamento do Museu Vivo Répteis da Caatinga, localizado em Puxinanã, na Paraíba. A equipe do Museu trata animais que sofreram maus tratos e não podem voltar ao seu ecossistema natural, bem como espécies resgatadas do tráfico. Além de orientar sobre a reprodução dos répteis, fazendo a prevenção contra suas extinções.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias