Patrimônio

Desaparecida há 39 anos, peça sacra é encontrada e integrará o acervo do Maspe

Museu de Arte Sacra de Pernambuco receberá relicário, que pertence à Igreja Madre de Deus e foi roubado em 1976

Da Editoria de Cidades
Da Editoria de Cidades
Publicado em 17/08/2015 às 14:26
Arquidiocese de Olinda e Recife/Divulgação
Museu de Arte Sacra de Pernambuco receberá relicário, que pertence à Igreja Madre de Deus e foi roubado em 1976 - FOTO: Arquidiocese de Olinda e Recife/Divulgação
Leitura:

Roubado há 39 anos, o sacrário em madeira recoberto com placas decoradas em prata volta à Arquidiocese de Olinda e Recife. A peça será apresentada ao clero durante reunião que será realizada, nesta terça-feira (18), no Centro Arquidiocesano de Pastoral Dom Vital, no bairro da Várzea, Zona Oeste do Recife, às 8h30.

O procurador Sérgio Suiama e a museóloga, Cláudia Rocha, representante do Museu de Belas Artes, participam da cerimônia. O relicário passará a integrar o acervo do Museu de Arte Sacra de Pernambuco (Maspe), localizado no Alto da Sé, em Olinda.

A urna foi entregue ao presidente da Comissão Arquidiocesana de Pastoral para a Cultura, frei Rinaldo Pereira no Museu Nacional de Belas Artes (MNBA), no Rio de Janeiro, no último dia 11. O patrimônio religioso, histórico e cultural pertence à Igreja Madre de Deus, no Bairro do Recife, área central do Recife, foi subtraído no dia 23 de janeiro de 1976.

A restituição foi feita pela diretora do museu, Mônica Xexéo, e pelo procurador do Ministério Público Federal no Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Suiama. Museólogas e advogados participaram do ato de assinatura do contrato de devolução e do termo de ajustamento de conduta. 

O exemplar foi encontrado em poder de um herdeiro de colecionador particular, que espontaneamente concordou em devolvê-lo após vistoria realizada pela Superintendência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). A restituição ocorreu em agosto de 2014. Desde então, o bem esteve sob os cuidados do MNBA.

Saiba mais

O sacrário ou tabernáculo é uma urna onde se guardam as hóstias consagradas. Dotada de estrutura de madeira?, ela? é recoberta com placas decoradas em prata, formando peça em duas partes, corpo e coroamento, com abertura frontal, medindo 69 centímetros de altura por 49 de largura.

No topo, há a imagem de um cordeiro deitado sobre um livro selado por sete selos, numa referência ao capítulo 5 do livro do Apocalipse de São João. A passagem bíblica diz que apenas o cordeiro é digno de abrir o livro. Cristo é simbolizado pelo cordeiro.

Últimas notícias