orientações

Saiba o que fazer para evitar afogamento em praias

Só nesse domingo (13), dois homens morreram afogados na praia do Paiva e um rapaz desapareceu na praia de Tamandaré

JC Online
JC Online
Publicado em 14/10/2019 às 12:30
Notícia
Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem
Só nesse domingo (13), dois homens morreram afogados na praia do Paiva e um rapaz desapareceu na praia de Tamandaré - FOTO: Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem
Leitura:

Após o recente caso de morte por afogamento de dois homens na praia do Paiva, no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife, nesse domingo (13) e o desaparecimento de um homem no mar da praia de Tamandaré, no litoral Sul do estado, também no domingo, o Corpo de Bombeiros emitiu orientações para a população se prevenir e saber como proceder em casos de banhos de mar.

Além das dicas para casos de afogamento, o informativo traz orientações sobre banhos de sol e faz alerta para a necessidade de maior atenção e cuidado com crianças em praias.

Confira as orientações

Banho de mar

  • Quando não conhecer o local, procure ficar próximo a um guarda-vidas.

  • Não se arrisque em mar aberto, onde não existem arrecifes.

  • Muito cuidado com as “barretas” (espaços entre os arrecifes por onde as águas entram e saem).

  • Nunca nade sozinho, nem se afaste da margem.

  • Nade paralelo à praia.

  • Evite brincadeiras perigosas dentro d´água.

  • Não simule afogamento ou pedido de socorro.

  • Em caso de acidente, mantenha a calma, avalie a situação para não por em risco você e outras pessoas.

  • Chame o guarda vidas.

  • Não tente salvar alguém sem estar devidamente habilitado.

  • Lance algum objeto flutuante (boia)e evite ação corpo a corpo.

  • Lembre que salvar uma vítima de iminência de afogamento exige conhecimento e condicionamento físico.

Banho de sol

  • Não se exponha das 10 às 15 horas.

  • Use sempre protetor solar.

  • Use chapéu, boné e camisas apropriadas.

Crianças

  • Coloque pulseiras ou colares com nome e telefone de contato para facilitar identificação em caso de perda.

  • Evite lugares de grande aglomeração.

  • Não deixe as crianças entrarem na água sozinhas.

  • Vista as crianças com roupas adequadas, inclusive com chapéus ou bonés.

  • Coloque sempre protetor solar de duas em duas horas.

  • Procure ficar próximo aos guarda-vidas.

  • Em caso de desaparecimento de crianças, avise aos guarda-vidas o mais rápido possível.

    *LEMBRE-SE: Quando você acompanha crianças, são elas que devem se divertir. Não se pode descuidar.

Mortes no Paiva

Dois homens morreram afogados na Praia do Paiva, no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife, nesse domingo (13). Segundo o Corpo de Bombeiros, Bruno Justino da Silva, 33 anos, e Gilberto Gomes de Souza, 40, estavam andando de bicicleta quando decidiram tomar banho de mar.

Leia também: Homem desaparece no mar ao tentar salvar esposa na praia de Tamandaré

Os salva-vidas retiraram as vítimas da água e fizeram os primeiros atendimentos na areia. Eles ainda foram levados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Barra de Jangada, em Jaboatão dos Guararapes, também no Grande Recife, mas morreram a caminho da unidade de saúde.

Desaparecimento no mar

Um homem de 28 anos, natural de Caruaru, cidade do Agreste Pernambucano, desapareceu no mar da praia de Tamandaré, no litoral sul, nesse domingo (13).

Mayrom Raphael Januário de Farias estava passando o final de semana na praia com a esposa e os amigos quando a mulher escorregou em uma pedra. Ao tentar salvá-la, ele acabou sendo puxado pela correnteza. 

A mulher foi salva. Uma equipe do Corpo dos Bombeiros realizou buscas no momento do incidente, mas não conseguiu encontrar o homem. O trabalho da corporação foi retomado na manhã desta segunda-feira (14).

Possível desmaio

Segundo Rodrigo Farias, primo da vítima, tudo aconteceu entre as 9h e 10h da manhã. "Ele estava com a esposa em uma pedra, próximo à beira da praia e, de repente, ela caiu da pedra e, mesmo sem saber nadar, ele pulou para ajudá-la", informou Rodrigo. 

"Com a ajuda de outro banhista, ele conseguiu empurrá-la para cima da pedra. O banhista tentou salvá-lo mas não conseguiu. Segundo a testemunha, Mayrom parecia estar desmaiado", completou o primo da vítima. 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias