Pernambuco

Cães e gatos podem ser vacinados gratuitamente contra a raiva neste sábado

A campanha ocorre em mais de 7 mil pontos de todo o Estado

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 02/04/2016 às 9:35
Divulgação / PCR
A campanha ocorre em mais de 7 mil pontos de todo o Estado - FOTO: Divulgação / PCR
Leitura:

Após um ano sem campanha de imunização, os donos de cães e gatos de todo o Estado poderão vacinar seus pets contra a raiva gratuitamente neste sábado (2). Mais de 7 mil postos estarão distribuídos em todas as regiões e mais de 1 milhão de animais devem ser vacinados. 

Os pontos de vacinação ficarão em escolas, associações de moradores e praças dos municípios. Eles abriram às 8h e funcionarão até às 17h. No Recife, uma equipe de mais de 1000 pessoas está distribuída em 450 locais para realizar a campanha. O exército auxiliará o município, que tem como meta vacinar cerca de 200 mil cães e gatos. 

Também na RMR, os municípios de Jaboatão, com 211 postos de vacinação, e de Paulista, com 80 postos, deverão vacinar, juntos, mais de 100 mil animais. Os pontos de vacinação podem ser informados através da Vigilância Ambiental das cidades.

No total, os 184 municípios pernambucanos, além do distrito de Fernando de Noronha, receberão a campanha. Para que o animal seja imunizado é necessário que ele tenha mais de três meses e que não esteja no fim de uma gestação. O proprietário do animal deverá levar a carteirinha de vacinação. Caso não disponha do documento, não haverá restrição à imunização e o animal passará a ter a carteira para controle. 

A DOENÇA - A vacina previne os animais da raiva, doença com alto índice de morte que afeta o sistema nervoso central dos mamíferos e pode ser transmitida para humanos. “A raiva torna o animal muito agressivo, em alguns casos ele fica mais quieto, depressivo, ele não consegue beber água porque saliva muito e em pode chegar a ficar paralisado”, explica a veterinária Kátia de Barros, que trabalha há mais de 20 anos com animais domésticos. O último caso de transmissão da doença de um cão para um humano em Pernambuco foi registrado em 2006. No ano de 2015, só um caso de raiva canina foi confirmado no Estado. 


Últimas notícias