operação

Mergulhadores retomam buscas por ossada em mar de Itamaracá

Na última sexta-feira (30) o resgate foi interrompido por conta do clima

Isabela Lemos
Isabela Lemos
Publicado em 04/10/2011 às 8:47
Leitura:

Uma equipe formanda por dois mergulhadores do Corpo de Bombeiros e dois mergulhadores do Instituto de Criminalística (IC) retomarão às buscas pela possível ossada do corpo da corretora Taciana Barbosa, desaparecida desde 11 de maio de 2008, quando teria sido assassinada e jogada ao mar pelo ex-policial Marco Antônio Medeiros.

De acordo com o delegado Derivaldo Falcão, responsável pelas investigações do caso, um pescador encontrou partes de ossos no alto-mar da Ilha de Itamaracá, e, partir dessa informação, a Polícia Civil deu início à operação em parceria com o Corpo de Bombeiros.

Na última sexta-feira (30) o resgate foi interrompido por conta do clima, que ocasionou fortes ondas dificultando a ação. Mas, nesta terça (4) a equipe retornará a procura a partir das 9h, nas proximidades da igrejinha do Pilar, na praia de Itamaracá, Grande Recife.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias