Violência

Policial é assassinado após reagir a assalto em Paulista

Militar reformado aguardava atendimento em uma barbearia quando suspeitos anunciaram o assalto. Pistola do policial travou

Renata Monteiro
Renata Monteiro
Publicado em 10/04/2017 às 19:00
Foto: Reprodução/ TV Jornal
Militar reformado aguardava atendimento em uma barbearia quando suspeitos anunciaram o assalto. Pistola do policial travou - Foto: Reprodução/ TV Jornal
Leitura:

Após reagir a um assalto a uma barbearia, um policial foi morto a tiros na tarde desta segunda-feira (10), em Maranguape I, Paulista, no Grande Recife. Paulo Gomes da Silva, de 56 anos, era sargento reformado da Polícia Militar (PM).

Conforme informações repassadas pela polícia, o militar aguardava ser atendido no estabelecimento quando dois homens armados anunciaram o assalto. Paulo Gomes reagiu, mas sua pistola travou e ele foi atingido por vários tiros. Um adolescente de 15 anos, também cliente da barbearia, foi atingido por um disparo e encaminhado em estado grave para o Hospital Miguel Arraes, na mesma cidade.

IML

Antes de fugir, os suspeitos conseguiram roubar os celulares das vítimas. O corpo do policial militar foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML), no Recife.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias